sábado, março 11, 2006

Ministério Público

Enquanto o País espera pelo relatório do PGR sobre o envelope 9,

Magistrados lançam ataque ao poder político.

Os activistas sindicais não respeitam os órgãos de soberania e desconhecem as funções do Governo na administração da Justiça.

Assim, não embaraçam apenas o Governo, prejudicam o País e comprometem a sua reputação.

4 Comments:

At sábado mar 11, 03:28:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Atitude vergonhosa do Bochechas, sair de fininho!.. E queria esta porcaria, este senil ser PR!
Pelo amor de Deus...
Então Esperança, o que tem a dizer sobre esta atitude do seu querido menino, do seu mais que tudo candidato???? Fale homem...
"Ó xô Guarda, dexaparexa"

 
At sábado mar 11, 12:35:00 da tarde, Anonymous Carlos Esperança said...

Vou responder-lhe já, num post.

 
At domingo mar 12, 10:40:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

A justiça (o poder judicial)vive um período de crise que se alicerça no seu seio (intrinseca).
A reforma do sistema judicial é, para os portugueses, cada vez mais uma inevitabilidade. Não vale a pena deslocar o epicentro da crise para a área política ou gritar contra a "governamentalização".
O necessário (inadiável)diálogo entre a Justiça e o Poder deverá ser efectuado em sede própria - a Assemblleia da República, segundo os preceitos constitucionais.

O resto são guerras do alecrim e da manjerona.

 
At terça abr 24, 11:59:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

You have an outstanding good and well structured site. I enjoyed browsing through it cheap butalbital Terry cloth seat cover 1993 cadillac allante car alarm systems2c car security system2c enforcer Stephens creek golf course Bextra and menstrual Bodyglove swimsuits stop smoking program http://www.electrical-steroid-drive-tennis-elbow.info florida timeshare Call center applications van floor mats anxiety lexapro

 

Enviar um comentário

<< Home