sexta-feira, abril 27, 2007

Câmara Municipal de Lisboa

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carmona Rodrigues, foi notificado para ser ouvido pelo Ministério Público na qualidade de arguido, no âmbito do processo Bragaparques, disse hoje à agência Lusa fonte judicial.

Neste processo já foram constituídos arguidos a vereadora do Urbanismo, Gabriela Seara (PSD), o director municipal dos Serviços Gerais, Remédio Pires e o vice-presidente Fontão de Carvalho, chegando agora a vez do presidente, Carmona Rodrigues.

Independentemente da prova e da presunção da inocência, compreende-se agora melhor a campanha impiedosa da direita contra o Governo.

8 Comments:

At sexta abr 27, 01:21:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

O ex-candidato à presidência do PSD Luís Filipe Menezes considerou «muito grave» para Marques Mendes, que Carmona Rodrigues tenha sido notificado como arguido, no caso Bragaparques, e apelou a eleições intercalares na autarquia lisboeta.

«Portugal Diário»

 
At sexta abr 27, 10:53:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

os politicos comem todos da mesma gamela, salvando honrosas excepções! Estão lá todos para se servirem e não para servirem os outros! Na maioria são pessoas sem qualquer prova dada na suas vidas profissionais. São politicos de carreira e portanto não sabem, nem querem saber a realidade do país e contribuir para o seu melhoramento através da sua experiencia profissional! A experiência que têm é de demagogia, retórica e caciquismo!

 
At sexta abr 27, 11:18:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Mas o que é que o cu tem a ver com as calças?
CML e ataques da direita ao Governo: associação só possível numa cabeça como a de CE.
Não demorará muito a vir dizer que a culpa da trapalhada da UnI também é do Carmona!

 
At sexta abr 27, 02:56:00 da tarde, Anonymous jagudi said...

Tem que ver o seguinte, anónimo:
A Câmara de Lisboa é um antro de irresponsabilidade e corrupção, com passivos aterradores que já vêm do palyboy antecedente.
Quanto, por exemplo, se pagou a Franck Ghery por nada?
A panela começou a destapar-se com as primeiras notícias.
Sem outra agenda de oposição possível, restaria à oposição aproveitar qualquer hipótese de embrulhada, para entalar o governo e desviar as atenções.
Lembra-se do caso Moderna, e do Portas? Qual foi o papel distribuído pelo governo do PSD a Celeste Cardona na Justiça e ao juiz Salvado na Judiciária?
Isso mesmo: limitar os estilhaços na Moderna.
Lembra-se do caso Casa Pia? Com é que se tentou apagar o fogo?
Isso mesmo: metendo inocentes na fogueira.
Perante a incapacidade total de oposição ao governo pelo PSD, e ssendo que o único baluarte desse partido estava ainda nalguns municípios importantes, como reconhecer a derrocada da gestão irresponsável de Lisboa, que está entregue aos bichos.
Isso mesmo: criar cortinas de fumo, que se alimentam também dos interesses patronais do jornal Público (que perdeu a OPA por causa \da CGD) e do Expresso, que foi sempre do sr.Balsemão.
O cu e as calças são coisas diferentes. Mas andam perto uma da outra.
O PSD, sem poder, é um náufrago em desespero. Não tem ideologia nem princípios que sustentem os rapazes. Ora essas perspectivas apresentam-se muito más. Largar os tachos de Lisboa agrava tudo.
O ataque a Sócrates, visto assim de longe e sem considerandos de pormenor (que merecem atenção, evidentemente) é uma canalhice demagógica, que não tem nenhuma das boas intenções que apregoa.

 
At sexta abr 27, 04:16:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

BRAGA PARQUES OLÉ...
BRAGA PARQUES OLÉ...
BRAGA PARQUES OLÉ...
BRAGA PARQUES OLÉ...OLÉ...

Mas eu já ouvi falar da BRAGA PARQUES em qualquer lado... onde terá sido?????

 
At sexta abr 27, 06:46:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

na corrupção, carmona é arguido por ser passivo ou activo?

 
At sexta abr 27, 07:50:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

A oposição queria atacar o PM para desviar as atenções da Camara de Lisboa.

Não fazia sentido nenhum atacar o PM. Ele tirou um curso sem suspeita nenhuma, nem precisamos de investigar porque confiamos todos na palavra dele.
Ele era engenheiro e deixou de o ser so proque lhe apeteceu. Já estava farto e isso é compreensivel.
A composição de Inglês Técnico estava perfeita e qual é o mal de não ter prazo?
Qual é o problema dele estar a frequentar uma universidade e estar a ser aprovado nas cadeiras sem ainda ter tido as equivalencias? O professor dele tinha sido professor no Isel e por isso sabia que ele era aplicado e tinha boas notas.
Ha um certificado na camara da covilha com as notas diferentes e com data de aprovação do curso diferente porque o senhor engenheiro é distraido e não sabia que isso não se podia fazer.
Ele não tem culpa.
Os do PSD é que são maus e caluniosos. Os do PSD é que escrevem para o Publico.
Já no caso da Dona Fatima foi a mesma coisa. As pessoas aproveitara-se da Dona Fatima ser distraida e sem querer ter beneficiado o clube de Futebol e comprado um carro para si e umas joiazitas. Vejam lá!! Qual é o problema?
Deviamos aprender com as lições.

 
At sexta abr 27, 07:51:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

volta J.Soares e perdoa-lhes

 

Enviar um comentário

<< Home