terça-feira, janeiro 29, 2008

Crime internacional com a cumplicidade de Portugal


Os governantes que não salvaguardam os direitos humanos não podem exigir respeito.

3 Comments:

At terça jan 29, 08:24:00 da tarde, Blogger CA said...

"Os governantes que não salvaguardam os direitos humanos não podem exigir respeito."

E estes já se podem assassinar como D. Carlos?

 
At quarta jan 30, 02:19:00 da tarde, Blogger e-pá! said...

Vamos vasculhar, escrutinar, ler com atenção este relatório da ONG britânica Reprieve.
À primeira vista, faltam outros elementos, parece que Ana Gomes (AG) tinha razão.

O problema é que se as conclusões de AG forem verdadeiras, as interpretações e informações de Freitas do Amaral eram falsas.
Entretanto, Freitas deu baixa por doença. E por esse lado o assunto morreu...

Luis Amado, novo ministro, continuou na senda de Freitas do Amaral...
A confirmar-se as terríveis suspeitas que empestam a guerra do Iraque e as envolvências dos seus aliados atlantistas de Bush (como em Guantámano), a remodelação do XVII Governo Constitucional, ao que parece iniciada ontem, ficou a meio caminho...

Porque entre a carência de sensibilidade política e a fuga à verdade e à responsabilidade, a escolha será ... "comem" todos?

 
At quarta jan 30, 09:40:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Mas, os americanos precisavam de pedir a Portugal o quê ?

Se os prisioneiros passaram por Portugal, o governo português, nem sequer foi informado...para eles, somos demasiado insignificantes, para nos passem cartucho.

 

Enviar um comentário

<< Home