sábado, novembro 15, 2014

Apelo à demissão ou suspensão de funções do Governo?


«Qualquer pessoa que ponha em causa uma instituição deve imediatamente apresentar o seu pedido de demissão ou de suspensão de funções».

(Paula Teixeira da Cruz , ministra da Justiça sobre obtenção de vistos dourados)


1 Comments:

At domingo nov 16, 06:06:00 da tarde, Blogger e-pá! said...

Na verdade trata-se de um governo aparentemente à prova de bala que disfruta de autoconfiança, tem uma lição bem ditada e beneficia da bênção de Belém.
Quando Vítor Gaspar bateu com a porta e o Portas o abandonou 'irrevogavelmente' o elenco, tudo parecia volátil e a ameaçar ruína.
Daí para a frente tornou-se um executivo que se julga vacinado contra todas as contrariedades. Quer as broncas de Rui Machete, quer as tropelias de Crato , quer a 'barraca' da reforma judicial a cargo da Paula Teixeira da Cruz, tratam-se de episódios que só vieram cimentar as inatas qualidades que justificam a permanência nos seus respectivos cargos.
Um incompetente, pretensamente colocado ao serviço da coisa pública, causa mossa mas poderá ser um acidente de que ninguém está livre (um erro de casting), um grupo (bando) de incompetentes pode ser uma maioria (democraticamente eleita).
É aqui que estamos. Certo, 'limpinho', não será por aqui que ficaremos...
Por agora interessa saber se os danos (dos incompetentes) são reversíveis. Mas isso é a longa história da democracia...

 

Enviar um comentário

<< Home