segunda-feira, fevereiro 08, 2016

Momento de poesia

O vidente que se enganou.
Poema de António Russo Dias