sábado, setembro 17, 2016

Sócrates é capaz de tudo…

Em 22 de novembro de 2014 escrevi o último texto em que me referi a Sócrates, pelas razões do excerto que aqui transcrevo e que pode ser lido no Ponte Europa:

«Abstraindo do drama pessoal de Sócrates, desejo que os motivos que conduziram ao seu linchamento público sejam cabalmente provados. Os Tribunais são o único órgão da soberania em que ainda devemos acreditar. Não é um cidadão que está em causa, é a Justiça que fica sob escrutínio.»

A entrevista do juiz de instrução, Carlos Alexandre, à SIC, foi de tal modo nefasta para si próprio, para a imagem da Justiça e para os cidadãos que nela confiam, que permite pensar que algum primo de Sócrates subornou a SIC para solicitar a entrevista e outro amigo, infiltrado na ‘Fábrica da Igreja Paroquial de Mação’, o persuadiu a dizer que não tem contas em nome de outros para, assim, desacreditar o processo que tem em mãos.

Só pode ter sido maquiavelismo de Sócrates.

Apostila - Depois deste ataque público a um arguido, feito por quem não tinha o direito de o fazer, o referido juiz perdeu o respeito que a função exige.

2 Comments:

At sábado set 17, 06:09:00 da tarde, Blogger Manuel Galvão said...

De como um juiz carregado de dívidas e ressabiado com os primeiros PECs se pode prestar aos fretes mais inverosímeis!

 
At sábado set 17, 06:38:00 da tarde, Blogger Manuel Galvão said...

De como um juiz carregado de dívidas e ressabiado com os primeiros PECs se pode prestar aos fretes mais inverosímeis!

 

Enviar um comentário

<< Home