terça-feira, dezembro 13, 2016

Até o Correio da Manhã já o abandonou

(CM, ontem - 1.ª página)