O almirante Gouveia e Melo e a Covid-19

A notável gestão do complexo processo de vacinação deve ao almirante Gouveia e Melo a eficácia que a sua competência e dedicação lhe imprimiram. Deve-lhe ainda a certeira e implacável afronta aos negacionistas quando enfrentou arruaceiros que, à semelhança de outros países, o insultaram. Foi oportuno a retribuir o epíteto de assassinos aos que, por mimetismo exógeno, contestam a vital importância da vacinação.

O almirante Gouveia e Melo revelou ser a pessoa certa no lugar certo, completando uma equipa notável onde seria ingratidão esquecer a ministra Marta Temido e a d.g.s Graça Freitas.

Todos os encómios são devidos a esta equipa de exceção na gestão da pandemia, a que é justo acrescentar a ação pedagógica do virologista António Siva Graça na RTP-1.

Dito isto, mera tautologia, não pode passar despercebida a campanha insidiosa que, ao arrepio do almirante Gouveia e Melo, sub-repticiamente o usa como arma de arremesso contra os partidos e o insinua para substituir Marcelo no fim do mandato.

A direita, receosa de não conseguir uma personalidade credível, mesmo com a ajuda do PR, é indiferente com o pensamento político, que ignora, deste oficial general no ativo, agora em missão civil. Só lhe interessa o poder de que as lutas internas e o aparecimento do partido fascista a parecem afastar, independentemente dos danos que tão desejado caudilhismo pudesse causar.

Esta direita desesperada, à falta de um projeto galvanizador, usa a hegemonia que tem nos média para fragilizar a democracia. É preciso estar atento.

Apostila – Na Marinha os oficiais subalternos são tratados por “tenentes”, os superiores por “comandantes” e os generais por “almirantes”, salvo a eventual exceção de “comodoro”. O tratamento por contra-almirante ou vice-almirante não faz sentido. 

Comentários

Jaime Santos disse…
O que mais gostei nas intervenções do Almirante foi aquilo que ele próprio designou como um desabafo, e que é, isso sim, uma lição de Democracia:

https://twitter.com/i/status/1430475265197629444

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime