Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2010

Os tristes dias do nosso infortúnio

Parabéns Brasil ! Vitória eleitoral de Dilma

Imagem

Nem tudo o que é parece. Cavaco e o Orçamento

Imagem

OE 2011 flash! [29 Out. - 23 horas e 19 minutos...]

Imagem

OE/2011 – do alívio imediatista às interrogações futuras…

Imagem
Finalmente, o acordo PSD/Governo aparece à luz do dia, depois de permanecer enclausurado nos bastidores da política, tanto tempo. Recordemos que, desde o Verão, o País tem assistido a uma cascata de floreados retóricos [vazios de conteúdo político] e ao desfilar de uma prole de argumentos à volta de diferentes modelos de exacção [de receitas] e de contenção [da despesa].

As picardias tecidas à volta deste OE alimentam acrescidas suspeições quanto a capacidade de resolveremos, pela vontade e pela consciencialização políticas os nossos problemas orçamentais e de crescimento económico. A sensação transmitida – não vale a pena criar ilusões – é que a “crise” ainda vai no adro e que as instituições democráticas revelam uma gritante incapacidade para enfrentá-la de modo concertado, transparente e eficaz. Mais, todos suspeitamos que a “crise” é muito mais profunda do que é visível, ou palpável, no dia-a-dia. Vivemos na angústia do que o pior estará para vir…

A convicção generalizada é que a vi…

Cavaco conseguiu ajuda do Governo

Imagem

Morreu Marcelino Camacho

Imagem
Marcelino Camacho, por muitos considerado o “pai” das Comisiones Obreras [CCOO] - Confederação Sindical espanhola de influência comunista , foi um homem extraordinário que teve uma vida cheia. Morreu com a provecta idade de 92 anos.
Foi militante comunista desde o tempo da II República [1931 – 33], combateu ao lado dos republicanos na Guerra Civil e foi perseguido durante todo o consulado franquista, tendo sido privado da liberdade durante mais de uma dezena de anos.
Líder dos trabalhadores metalúrgicos de Madrid, participa nas primeiras comissões obreiras – um movimento sociopolítico de base - que na década de 60 travou em Madrid, Astúrias, País Basco e Catalunha duras e importantes lutas contra o franquismo.

As CCOO congregaram um largo e plural grupo de movimentos antifranquistas que se infiltrou nos “sindicatos franquistas” até que, em 1975, já no estertor do regime, conseguiram vencer as eleições sindicais na maioria das empresas…
Em 1976, na histórica “Assembleia de Barcelona”Marcel…

Governo e PSD chegam a acordo sobre o OE2011

O Governo e o PSD chegaram esta sexta-feira à noite a um acordo para a viabilização do Orçamento de Estado para 2011 (OE2011), avança a SIC.

Nota: Poucas horas antes Passos Coelho afirmava não ter conhecimento da nova reunião.

Curiosidades...

Imagem

A “dança do dragão”…

Imagem
“A China está interessada em reforçar a aquisição de dívida soberana portuguesa. Para Portugal, é uma ajuda importante para aliviar a pressão dos mercados internacionais, para a China é uma forma de assegurar boas relações com um país da Europa.”link

A componente estratégica da actividade económica e financeira dos chineses é impressionante e meticulosa.

Aportaram à Grécia no sentido de ajudar a resolver os problemas financeiros e decidiram investir nas infra-estruturas portuárias [Pireu], na construção naval e no comércio marítimo para melhor [mais facilmente] chegar à Europa. É, como já foi dito, ”a nova rota da seda”...

Em Portugal, em relação à ajuda financeira proposta [aquisição dos títulos da divida pública], desconhecem-se as contrapartidas. Todavia, não devem andar longe do reforço das pontes comerciais entre a Europa e África [onde a China já se encontra em força].

De qualquer modo, para Portugal a intervenção da China traz uma diversificação [alargamento da oferta] dos caminhos…

Angola - Competição religiosa

Católicos defendem emenda na Constituição angolana para travar a expansão do islamismo. O bispo Emanuel Imbamba defende alterações constitucionais para impedir o avanço muçulmano, dificuldade acentuada pelo carácter laico do Estado e pela imposição constitucional da separação do Estado e das Igrejas.Quando a Igreja católica devia defender a laicidade do Estado em todo o mundo, para evitar a situação injusta em que se encontra nos países islâmicos, implora privilégios que a diminuem e protecções que expõem a sua fraqueza.

Questão para um [qualquer] Oráculo de Delfos...

Imagem
"António Borges afirmou que Portugal está de 'joelhos perante o Banco Central Europeu, esperando que eles não alterem a sua política que nos permite ir vivendo'. Para o economista a "questão central de Portugal é estar totalmente fora dos mercados internacionais de financiamento". jornaldenegocios

Para um ex-vice-presidente do PSD [liderança de Manuela Ferreira Leite] são interessantes estas considerações...
Qual Apolo [senhor do templo de Delfos], lá debitou as suas professias...
Infelizmente, não terminou o recital com o coro que os 7 sábios prescreveram:
"Ó homem, conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo..."

Mas persiste uma dúvida sobre as suas observações acerca das genuflexões. Dúvida que o País deveria colocar às pitonisas dos múltiplos Oráculos que enxameiam no mercado [a nova terminologia mitológica é esta]:
O que será pior e o que será melhor?
De joelhos perante o BCE [o nosso banco central] ou de rastos perante o FMI [em Washing…

FUTEBOL: Mundial 2018

Imagem
Mundial 2018: FIFA abre inquérito sobre a candidatura ibérica

A FIFA vai abrir um inquérito a propósito das suspeitas lançadas pela Inglaterra sobre a possibilidade de Portugal e Espanha terem acordado uma troca de votos com o Qatar, para a organização do Mundial 2018. diariodigital
Mais problemas, não! Como diz o povo: quando o azar penetra...3 na anilha e etc.

COIMBRA - C O N V I T E

CONSELHO DE ESTADO: o prenúncio do FMI?

Imagem
Após a ruptura nas conversações entre Teixeira dos Santos e Eduardo Catroga acerca do OE/2011, seguem-se vários actos políticos institucionais e toda uma parafernália de manobras que vão das discretas pressões às movimentações de poderosos lobby’s.
Interessam fundamentalmente os actos políticos institucionais.

O Governo será confrontado – na próximas horas - em Bruxelas com a necessidade de obter um consenso orçamental.
A realização sexta-feira do Conselho de Estado – em cima do momentol - interfere com o inevitável “prestar de contas europeu”. Acentua o clima de indefinição e aprofunda o carácter gravoso do actual momento político.

O Conselho de Estado – basta ter estado atento às dispersas tomadas de posição dos diferentes conselheiros – pressionará, tanto o PSD como o PS, para chegarem a um entendimento e viabilizarem o OE.
Se for conseguido esse objectivo, que será tranquilizador para o País e para os mercados, o que sendo louvável, não esconde o reverso da medalha.
O sucesso das diligê…

Cavaco - É preciso topete

Imagem

O discurso do novo embaixador no Vaticano

Imagem
O discurso de apresentação das Cartas Credenciais do novo Embaixador de Portugal junto do Vaticano foi um acto de bajulação pia, sem ética republicana, e a manifestação de subserviência em nome de um país laico e democrático.

O embaixador Fernandes Pereira esqueceu-se de que representa o país e não um grupo de peregrinos e de que Portugal é um Estado laico e não um protectorado do Vaticano.

Para o Sr. Embaixador pode ter sido a maior honra pessoal e profissional da sua vida dirigir-se ao «Beatíssimo Padre», mas não o foi para todos os portugueses, sobretudo para os que lhe reprovam o mal que tem feito à humanidade com a teologia do látex, nos países onde a SIDA dizima populações, e nas posições em relação à contracepção, planeamento familiar, saúde reprodutiva da mulher, sexualidade e igualdade de género.

A alegada emoção do Sr. Embaixador com a canonização de D. Nuno Álvares Pereira, devida ao milagre obrado em D. Guilhermina de Jesus a quem curou o olho esquerdo, queimado com salpicos …

COMÉDIA EM TRÊS ATOS

1º ATO
O PSD, tendo decidido secretamente viabilizar o Orçamento, abstendo-se, finge que vai inviabilizá-lo, rompendo estrepitosamente as negociações com o PS.

2º ATO
Perante a situação aparentemente dramática assim criada, o Presidente Cavaco reúne de emergência o Conselho de Estado e em seguida faz um apelo dramático ao PSD para que viabilize o Orçamento.

3º ATO
O PSD, tal como já tinha decidido, viabiliza o Orçamento, mas fingindo que o faz por causa do apelo do Presidente Cavaco.

EPÍLOGO
O candidato presidencial Cavaco aparece assim perante o eleitorado como o Salvador da Pátria.

Superstição mata

Vulcão mata guardião espiritual encarregado de “acalmá-lo”Entre as vítimas do vulcão indonésio Merapi, que entrou em erupção na terça-feira, está o “avô Marijan”, seu “guardião espiritual”, que morreu sob as cinzas após uma vida consagrada a acalmar a “montanha de fogo”.O corpo de Marijan foi retirado na manhã desta quarta-feira dos escombros de sua casa, a 4 km da cratera. O telhado e tudo que havia dentro estava coberto por um manto de cinzas.

A imaturidade de Passos Coelho

Imagem
O abandono de Passos Coelho pelo seu mentor precipitou-o no abismo para que quer conduzir Portugal e os portugueses.

E agora, Pedro?

É preciso pontaria...

Imagem
«Portugal encontra-se numa situação difícil. Mas há uma interrogação que cada um, com honestidade, deve fazer: em que situação se encontraria o País sem a acção intensa e ponderada, muitas vezes discreta, que desenvolvi ao longo do meu mandato»?

(Cavaco Silva, ontem, na confirmação do anúncio da recandidatura feito por Marcelo Rebelo de Sousa)

OE/2011, 27.10.2010 - um País em "sobressalto"...

Imagem
As negociações entre Teixeira dos Santos e Eduardo Catroga no sentido de viabilizar o OE/2011, não chegaram a bom porto, contrariando o que muitos portugueses previam.
Independentemente das razões aduzidas por ambas as partes para justificar tal inssuceso é bom que os dois maiores partidos políticos portugueses tenham a consciência plena que causaram uma enorme frustação aos portugueses. A proposta de OE/2011 foi, desde a sua apresentação pública, um documento "mal-amado". Mas, tal facto, não apaga a convicção colectiva de que terá de existir um documento orientador para o reequilibrio orçamental, o controlo da dívida pública, o crescimento económico e a baixa das taxas de desemprego.
A convicção geral - adquirida desde as guerras de alecrim e manjerona iniciadas em plena época estival - não andará longe desta simples asserção: antes um mau OE do que nenhum!
As possíveis "regressões" ou "inflexões" para enfrentar esta imensa frustação popular que, concomita…

Cavaco não quer cartazes

Imagem

CCB, 26.10.2010, 20h.15m ...[em conformidade com o conselheiro Marcelo]

Imagem
Aníbal Cavaco Silva, recandidato à PR, numa comunicação monocórdica, sem brilho nem garra, disse [entre outras coisas]:
...
"A minha campanha será sóbria e contida".
"Dei instruções para que não se gaste [na campanha] mais do que metade do que a lei permite".

"Não colocarei um único cartaz exterior, os chamados outdoors".
...

"A minha candidatura é estritamente pessoal, independente de todas as forças partidárias.
"O meu partido é Portugal"

O que
- para já - pudemos ver:

No fundo do palco da sala Fernando Pessoa do CCB 10 [dez!] bandeiras portuguesas [...o seu novo partido]
Uma primeira amostra de sobriedade e contenção...
Dispensa outdoors. É mais para efusivos indoors...

Adenda - Sei que as 10 bandeiras são simbólicas. 10 anos de governação e/ou 5 + 5 de Presidência?. Há 5 anos, outros tempos, no mesmo local, lá estavam. Só a tela de fundo era azulada. Virou verde. Mas as bandeiras permaneceram. Quando os políticos vestem a pele de ascéticos e frugai…

Uma área submersa no OE: os fluxos e refluxos migratórios...

Imagem
Existe um contributo oculto para a redução do défice orçamental que, a luta pela sobrevivência e as dificuldades internas, os portugueses não levam em linha de conta. Uma contribuição activa que, caso não existisse, sobrecarregaria as prestações sociais relativas ao subsídio de desemprego: os fluxos migratórios contemporâneos.

Muitos jovens licenciados portugueses encetam a vida profissional enveredando por uma experiência [saída] migratória.

Acabou o ciclo das ondas migratórias dos anos 60 quando portugueses e portuguesas abalavam com a célebre “valise en carton” para França, Alemanha, Reino Unido, Suíça, etc. a fim de venderem a sua força de trabalho em serviços domésticos e na construção civil.

O actual ciclo de migração – não sendo como se afirma uma “fuga de cérebros “ – será a trânsfuga de competências técnicas que o marasmo da nossa economia estimula. Na senda do desenvolvimento, comparativamente com a Europa, continuamos próximos do diferencial da década de 60.

Na verdade, o senti…

OE/2011 - posfácio...

Imagem
As negociações PSD/PS ou PSD/Governo [é dificil distinguir] sobre o OE/2011, continuam - após 3 rondas - inconclusivas.
Debatem-se - é de supor - questões eminentemente técnicas. Procedem-se - cautelosamente - aos arranjos formais [florais] que permitam aos 2 Partidos salvar - perante os seus militantes e apoiantes - a face.
Porque politicamente a obtenção de um acordo é - há muito tempo - um facto incontornável: o País necessita de um Orçamento, o Governo elaborou-o, a Comissão Europeia da UE já deu o seu aval, os mercados financeiros [BCE incluido] a sua benção e o Presidente da República cooperou estrategicamente...
Só falta o anúncio do sucesso das negociações coincidir com o lançamento da candidatura de Cavaco Silva. Logo à noite, na hora nobre dos telejornais...
A cereja em cima do bolo!

Momento de poesia

Imagem
Dissertação sobre a saudade…


É do mar que chegam as notícias do meu amor.
Vêm com o vento cavalgando as ondas
mergulhando e subindo, na ânsia de chegar,
mirando peixes rutilantes sobre as transparências dos corais,
e eu vou vê-las chegar, caminhando pelas praias ardentes
por entre os dardos do sol
à procura de um búzio, para ouvir a voz longínqua
de quem me quer e de quem vem falar-me da saudade.
É do mar que chegam as notícias do meu amor
nas noites de lua cheia,
ouvindo o rugido do mar no fragor das ondas,
desfeitas em espuma contra a muralha da falésia
e onde vou beber a dor da sua ausência,
desfiando os fios da memória, já cansada de tanto esperar.
É do mar que chegam as notícias do meu amor.

Alexandre de Castro