Salazar era mais discreto


Comentários

Jaime Santos disse…
Desde logo Salazar era um civil e um académico, enquanto todos estes ditadores faziam gáudio do seu passado militar (embora Franco fosse o único no ativo e o único militar de carreira quando tomou o poder). Hitler era o único declaradamente anti-semita no início, mas Mussolini seguiu-lhe as pisadas e Franco pouco fez para proteger os judeus (ver https://www.thejc.com/comment/comment/was-franco-the-good-fascist-1.62863). O regime português não me parece que tivesse mostrado ponta de anti-semitismo, apesar do tratamento reservado a Aristides de Sousa Mendes, que provavelmente serviu de bode expiatório na política da 'neutralidade colaborante' de Salazar.

Sei que provavelmente irá discordar de mim, mas não creio que Salazar fosse um ardente fascista, apenas um oportunista com um agudo sentido de sobrevivência (mau grado a referência de Unamuno ao fascismo catedrático do Professor de Coimbra)... Isso não faz dele menos um torcionário nem por um segundo, simplesmente coloca-o noutra categoria que os da cáfila apresentada nessa imagem de propaganda...

Finalmente, é curioso notar que os ditadores lutam sempre pelo povo e pela pátria (o primeiro que oprimem e a segunda de que se aproveitam)...

Mensagens populares deste blogue

Os incêndios e a chantagem ao Governo

O último pio das aves que já não levantam voo