Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2012

MARIO DRAGHI, submetido a uma ‘dragagem’ de interesses…

Imagem
Draghi faces formal complaint over conflicts of interest...link
O Observatório Corporativo Europeu (CEO, sigla em inglês), instituição não-governamental que ‘observa’ a actuação dos grupos de pressão no espaço europeu, acusa Mario Draghi, actual presidente do Banco Central Europeu (BCE), de pertencer a um lobby bancário – o Grupo dos 30 – facto pelo qual não parece reunir as condições de independência necessárias para o exercício do cargo em que está empossado. A integração neste lobby bancário é, no entender da CEO, incompatível com as regras éticas exigidas para a presidência do Banco Central Europeu.
Este Grupo lobista [G 30], sediado em Washington, nasceu em 1978, sob os auspícios da Fundação Rockefeller e integra administradores ou ex-dirigentes de bancos públicos e privados, (ex)líderes políticos, (ex)assessores financeiros governamentais e, ainda, ilustres académicos (até prémios Nobel!), sendo a sua principal ‘vocação’ o estudo e aconselhamento de questões relativas aos ‘merc…

Barroso, Samaras e sound bites (hipócritas) …

Imagem
Durão Barroso, presidente da Comissão Europeia, 27.07.2012, de visita a Atenas, em pleno período de avaliação da 'troika' à execução do plano de resgate imposto à Grécia, declarou:
“Os atrasos”, avisa, “têm de terminar”. “As palavras não bastam. As acções são muito mais importantes.” link
Cabe aqui o provérbio chinês: “Eu interpreto os outros a partir de mim mesmo”…

Notas soltas: julho/2012

Egito – Mohamed Morsi, novo presidente e o primeiro eleito livremente, iniciou o mandato com a fórmula: «Juro por Deus todo-poderoso defender com a minha fé…», aterrando quem não tem fé ou perfilha outra. Espera-se a ditadura militar ou a teocracia.

Miguel Relvas – É mais fácil o diploma de um curso superior de 1 ano – espécie de Bolonha na hora –, do que calar jornalistas ou fazer esquecer a chantagem exercida e a censura tentada sobre os órgãos de comunicação. Depois vêm à superfície as viagens fantasmas, as moradas falsas e a aposentação política, legal, mas imoral.

Tribunal Constitucional – Quando o PR, que jurou fazer cumprir a Constituição, promulgou um OE com normas inconstitucionais. Só a rebeldia de alguns deputados do PS e do BE evitou mais um atropelo ao Estado de direito, graças a um acórdão exemplar.

Ministra da Justiça – A chantagem da senhora teve o efeito contrário. A ameaça do caos, caso a decisão do TC fosse a que teve vencimento, só podia contribuir para a decisão que …

Citações

Imagem

Momento de Poesia

Imagem
Dissertação sobre o canto da Liberdade…
À Lara Ferraz, pela sua militância
É rasante o teu voo quando desces das íngremes alturas e mergulhas na desordem do universo dos homens, na tua ânsia aflita de desatar os nós górdios que amarram os nossos sonhos. Nem a tua voz se cala, nem a tua vontade esmorece nem os teus olhos deixam de brilhar quando a cegueira paralisa aqueles que não querem acreditar que a roda da História não se imobiliza no tempo. Para ti, a luta começa no exato momento onde os outros a abandonaram, por descrença ou por cansaço, outros, até por traição, e tu vais buscar o grito da La Pasionaria (que é também o teu) quando empunhas a espada demolidora e desfraldas as bandeiras que cantam a nossa liberdade. É que tu também aprendeste a dizer não!...
Alexandre de Castro Ourém, Julho de 2012

E que tal chamar os bois pelos nomes? …

Imagem
…”Juncker criticou o facto de a Alemanha permitir que se faça política interna em torno da moeda única e, sem referir em nomes, considerou que há «políticos alemães» que começaram a falar numa eventual saída da Grécia do euro”… link.
Quem – como por exemplo os ‘povos intervencionados’ - tem seguido percurso europeu de Jean-Claude Juncker não deixará de interrogar: porquê só agora?
Ou é, agora, porque está 'de saída' ? link

Em Espanha é Rajoy quem está a mais

Carta aberta da autarca de Humilladero: em Espanha sobra o senhor
Sr. Rajoy, o senhor está a aplicar um programa oculto que não foi conhecido pelo eleitorado.

Uma carta que podia ser escrita a Passos Coelho por um presidente da Câmara ou qualquer outro cidadão.  Em Espanha, como em Portugal, a direita é a mesma.

Continue a ler aqui.

Graças à Virgem, por ser puta, ganhar dinheiro e ser feliz

Citando Miguel Torga

Imagem

Momento de Poesia

Imagem
Sinfonia poética a duas mãos (2)


Hoje, os deuses do Olimpo, estremunhados,
acordaram em sobressalto. Descobriram
um ponto de luz intensa, a aparecer na Terra,
em todo o seu esplendor.
O poema é tanto mais perfeito quanto mais
as palavras obedecem à vontade do poeta,
e eu quero que este poema seja entendido
por quem o ouve e lê,
no pleno fulgor do instante.

Alexandre de Castro


Em pleno fulgor do instante
em que o poema se solta do punho do poeta,
houve alguém que o leu e entendeu.
Soube ainda pela boca dos deuses,
que eles procuram em desespero
a fonte de alimento dessa luz intensa.
Que energia será essa que tudo ilumina?

Sónia M.
Junho de 2012


Nota: Diálogo dos autores, a propósito do poema “Dissertação sobre a ternura”, publicado no Sussurros.

A escola e o presépio da minha infância - Crónica(R)

Bem crucificado e suavemente chagado, numa cruz de madeira dependurada na parede, penava um Cristo de bronze em resignada agonia, ladeado à direita por uma fotografia de um homem de bigode, fardado, conhecido por marechal Carmona, e à esquerda por um eterno seminarista, com ar de gato-pingado, que infundia terror – o Professor Salazar. Na mesma parede, em frente dos alunos, a razoável distância e muitos fungos depois, quedava-se a Senhora de Fátima, poisada numa mísula, alheada da conversão da Rússia e da salvação do mundo. Mais abaixo, à esquerda, ficava o quadro preto e o mapa do corpo humano e, à direita, rasgados, um mapa de Portugal Continental, outro das Ilhas Adjacentes e das Colónias e o mapa-múndi.

O soalho resistia aos buracos, numerosos e amplos, que a humidade e o uso se encarregavam de alargar. As carteiras alinhavam-se em rigorosa geometria com lugares destinados a mais de quarenta garotos de ambos os sexos distribuídos pela primeira, segunda e quarta classes. Entre qui…

Paulo Portas : a redundante missiva ou uma insaciável sede de protagonismo?...

Imagem
Site do CDS/PP link:

… «Segundo o líder do CDS, "o nível de impostos já atingiu o seu limite", e afirma que "praticamente todas as medidas fiscais tomadas " resultam do "cumprimento de obrigações do acordo externo". Paulo Portas defende ainda uma "política fiscal seletiva, competitiva e favorável à família, à empresa e ao trabalho" para o período pós ´troika'… » .
Esta ‘novíssima’ carta – de Paulo aos ‘devassos’ coríntios? - para socorrer-me da concepção cristã que enforma a ‘doutrina’ deste partido, mostra, antes de tudo, que a coesão da governação não é tão sólida, nem tão fácil, como frequentes e arrebatadas juras públicas pretendem fazer crer.
A carta ‘epistolar’ deste Paulo (de cá, das ‘feiras’, das pandeiretas) é, antes de tudo, um documento acerca das notórias incomodidades que o exercício do poder, inevitavelmente, está a levantar. Evidencia, por um lado, o sentimento de uma inadiável necessidade de dar explicações aos ‘estupefact…

A vida está difícil

Imagem

Momento de Poesia

Imagem
Dissertação sobre a mentira e a verdade…


Excelentíssimo Senhor:
Devo informá-lo que na sua última missiva
contraria tudo aquilo que disse anteriormente.

Caro amigo:
Informo-o que deve sempre  considerar como verdadeiro
tudo aquilo que eu afirmar na minha última mentira…
Devolvo-lhe a acusação, pois é o senhor que mente,
já que não leva em linha de conta que a verdade
é uma entidade volúvel, que no dia seguinte
já não é válida

Alexandre de Castro
Lisboa, Julho de 2011

Draghi: a declaração do dia

Imagem
… em Londres, Mario Draghi garantiu que o euro é irreversível e acrescentou: “no quadro do mandato, o Banco Central Europeu está pronto a fazer o que for necessário para preservar o euro. E acreditem, será suficiente”. link
Falta explicar o verdadeiro alcance da expressão: ‘o que for necessário’
Para já parece ter sido ouvido pelos 'mercados'. Resta saber por quanto tempo.

Estátua de D. João Peculiar

Imagem

Adriano Moreira – cúmplice fascista reabilitado

Deixem-me pronunciar sobre este académico ilustre, de passado pouco recomendável, antes de ser adulado no próximo dia 6 de setembro, ao comemorar 90 anos, e elevado aos altares quando o seu deus for servido de o chamar à divina presença, ao contrário dos ateus que se limitam a morrer quando a vida se extingue.
Convém fazê-lo já, não porque o homem, lúcido e inteligente, não continue a escrever – e bem –, e a pensar – e mal –, durante mais uma década. Pela minha parte não lhe desejo a antecipação das cerimónias fúnebres, do cortejo das carpideiras e dos elogios que os atuais PR e PM lhe fariam, à semelhança do sucedido, quiçá por ignorância, ao recém defunto José Hermano Saraiva.
Convém fazê-lo agora, por dois motivos, porque posso antecipar-me ao ministro fascista na defunção e porque, como notei no passamento de J. H. Saraiva, não se pode dizer mal de um morto que ainda mal fede. Mesmo depois, esquecidos os crimes, acabam por ser pessoas de bem, com missas sazonais a sufragar a alma…

Pedro Almodóvar e próximo guião sobre um ‘governo brutal’…

Imagem
In ‘El deseo’ link

Uma questão de consciência social

Imagem

O cuco-canoro...

Imagem
Declarações do 1º. Ministro, ontem, num jantar com o grupo parlamentar do PSD:
"Estivemos a um passo da bancarrota e um ano volvido, a perceção que existe é de que não demos um passo em frente [...] Foi talvez a única área em que andamos para trás", criticou o governante acusando os partidos da oposição de não terem uma visão sobre o futuro que possa "representar um caminho alternativo" para Portugal. link
Há um ano - para nos cingirmos ao período referido por Passos Coelho - fomos, e os portugueses sabem-no bem, confrontados com um impiedoso cerco dos ‘mercados’, quer directamente, quer através de seus títeres, que impossibilitou a prossecução de ‘normal e usual’ financiamento do Estado, da economia e do sector bancário. Fez-se ‘sentir’, de modo avassalador e directo, o peso da dívida (pública e privada). Saltaram para a ribalta política os ‘ocultos’ erros de sucessivos Governos: deficits orçamentais excessivos a par de um crescimento económico anémico. Erros que…

Associação Ateísta Portuguesa (AAP)

Imagem

Factos & documentos

Imagem

Dissertação sobre a dúvida da existência de deus…

Imagem
Dissertação sobre a dúvida da existência de deus…
Sobre a não existência
O ónus da prova pertence aos que primeiro afirmaram deus existe e não aos que depois disseram deus não existe. Ninguém poderia, no ponto de vista histórico e antropológico, ter afirmado deus não existe, se, anteriormente, alguém não tivesse dito “deus existe”. O princípio da afirmação da existência precede o princípio da afirmação da não existência. Não me peçam para demonstrar que deus não existe, sem antes pedirem a respetiva demonstração aos que primeiro afirmaram que deus existe.
Durante muitos séculos, judeus e cristãos andaram enganados, julgando, como dizem as escrituras, que a Terra é o centro do Universo, um dogma que Copérnico e Galileu, através da ciência, arrasaram, com a teoria heliocêntrica, dando assim razão aos que, antes deles, acreditavam que a Terra não era o centro do Universo.
Também aqueles, que andam agora a dizer que deus existe, estão a validar a afirmação daqueles que dizem que deus não e…

Fatalidades, inaptidão e/ou cumplicidades?

Imagem
Vivemos na ilusão que conseguiremos vencer a crise europeia pela persistência. Evitamos, enquanto Europa, ‘sentir’ a trajectória de isolamento para a qual estamos a ser relegados. Em cada Conselho Europeu construímos soluções, aparentemente brilhantes, consensuais e – encare-se a realidade – duras, que os mercados na semana seguinte canibalizam. Se endurecemos - através da austeridade - medidas de combate ao deficit orçamental, estas significam, para os ‘mercados’, a intensificação da ‘espiral recessiva’ e, logo, o aumento do risco de pagar, em várias maturidades, a dívida externa, só possível com um crescimento económico robusto.
Estamos a ser paulatinamente conduzidos, enquanto europeus, para um ‘cul de sac’. Dia após dia, somamos aos países já intervencionados o espectro de novos ‘aderentes’. Aos casos da Grécia, Irlanda e Portugal, temos de acrescentar Chipre e prepararmo-nos para juntar a Espanha e a Itália. Isto a breve prazo.
Sobre o intervalo decorrido entre o dealbar da cris…

Associação Ateísta Portuguesa - Exposição ao Provedor de Justiça

Exmo. Senhor Provedor de Justiça Juiz-Conselheiro Alfredo José de Sousa provedor@provedor-jus.pt
Rua Pau de Bandeira, 9
1249-088 – LISBOA

Senhor Provedor de Justiça
A Associação Ateísta Portuguesa (AAP), inconformada com as injustiças cometida pelas dioceses, na nomeação de professores de Religião católica nas escolas, e entendendo que são imorais e lesivas do interesse de outros professores, para além de achar injusta a promoção de uma religião particular, vem junto de V. Ex.ª solicitar o alto patrocínio da Provedoria de Justiça para pôr cobro a tão lamentáveis práticas, com a exposição dos factos de que tem conhecimento. 
RELIGIÃO CATÓLICA NAS ESCOLAS De acordo com o Artigo 19 da Concordata subscrita pelo Estado Português, a República Portuguesa “garante as condições necessárias para assegurar, nos ternos do direito português, o ensino da religião e moral católicas nos estabelecimentos de ensino público não superior, sem qualquer forma de discriminação”. E acrescenta: “Em nenhum caso…

O incrível acontece…

Imagem
FMI insiste que Governo pode subir taxas mais baixas do IVAlink
Ou Portugal transformado num laboratório de experiências de resgate. E os portugueses em cobaias nas mãos do ‘senhores de preto’ que estão a colocar o ‘bom aluno’, à beira de um ataque de nervos.
Interessante é propagandear a intenção de equilibrar o deficit orçamental cortando na despesa mas sempre que surge um contratempo – do qual ninguém se assume como responsável – aposta-se na solução pelo lado da receita.
O Governo tem de esclarecer urgentemente esta circunstância: quando afirma que ‘não precisa de mais tempo, nem mais dinheiro’, acaso estará a pensar agravar a austeridade e intensificar a recessão económica.
Os permanentes sound bites vindos dos representantes dos credores, que trimestralmente por aqui passam e se anunciam desta forma, são o sufoco dos contribuimtes e a fatal ameaça de destruição da economia nacional, já tragicamente debilitada. 
Incrível!

Salazar – um déspota cruel a quem não faltaram cúmplices

Em 25 de Abril de 1974 foi derrubada a ditadura fascista. Os próceres do regime, após o susto inicial, conformaram-se com a democracia à espera da desforra que não veio.

Os Pides eram todos escriturários, os bufos extremosos pais que arredondavam o salário com informações sem importância e os juízes dos tribunais plenários excelentes juristas em comissão de serviço para uma promoção mais rápida.

Com o decorrer do tempo o fascismo converteu-se em ditadura para depois se tornar em mero regime autoritário. Agora, perdida a vergonha e a memória, já regougam aí alguns crápulas que era, apenas, um regime diferente, o outro regime.

José Hermano Saraiva, cúmplice da ditadura e ministro fascista faz a discreta apologia do biltre que transformou Portugal em quinta e os portugueses em emigrantes.

A guerra colonial passou a guerra do Ultramar e os soldados mortos, vítimas da guerra injusta e criminosa, a «Heróis do Ultramar». Os crimes cometidos contra as forças de libertação de Angola, Moçambiq…

Melhor seria com outro PR

Imagem

Manifestações em Espanha

Imagem

Amor com amor se paga

Imagem

Génesis

Imagem

Portugal, há 140 anos

Imagem

Métodos de incentivo ao populismo…

Imagem
Um dos mais frequentes métodos para alimentar o populismo é a demagógica arte de mentir. Outro, subsidiário deste, é tentar esconder (ou negar) o óbvio.
Tudo isto a propósito do ‘resgate financeiro de alguns bancos espanhóis’ anunciado à Espanha, pelo Governo de Mariano Rajoy, como sendo um auxílio externo ‘sem contrapartidas’ … link.
Tudo se passa em conferências de imprensa cozinhadas. Esquecendo que, por exemplo, em alguns Países europeus, onde ainda sobra alguma transparência na vida política, o ‘escondido’ (ou pretensamente reservado) tarde ou cedo aparecerá à luz do dia.
Este exemplo é paradigmático: o parlamento holandês para discutir e aprovar o ‘auxílio’ financeiro ao sector bancário espanhol no valor 100.000M€, achou por bem divulgar publicamente um ‘memorando de entendimento’ (Assessment of Spain Elegebility) link entre a Espanha e o Euro Grupo, documento que Rajoy pensava ter guardado a sete chaves no palácio da Moncloa.
Agora, é só ler…

Dr. Miguel Relvas, um caso exemplar

Imagem
Não consta do currículo que o ministro apresentasse a esse areópago do saber e da ética – a Universidade Lusófona –, a falsificação de moradas que lhe tornou mais suculento o vencimento de deputado e que certamente lhe poderia dar equivalência a maratonista. O dom da ubiquidade, com quatro moradas diferentes, três em Tomar e uma em Lisboa, ainda o há de conduzir à santidade dado que a Santo António bastaram duas, Lisboa e Pádua, para o elevarem aos altares.
Também são omissas as viagens fantasmas ao serviço da República e que não deixariam de lhe conferir o epíteto de astronauta, embora ultrapassado pelo seu colega de bancada, o célebre deputado António Coimbra, que ganhou o epíteto de Batman. Especialista em requisitar viagens em bloco à AR, viagens que não realizava e creditava na conta-corrente da agência «que era debaixo da sede da JSD», merecia bem a equivalência em engenharia financeira.
A pressão «inaceitável, mas não ilegal», sobre uma jornalista do Público, recomenda-o par…

Boa definição

Imagem

Homenagem a uma grande figura histórica

Imagem

Síria - um barril de pólvora em zona estratégica

Um ataque bem planeado e com um objectivo claro: golpear de forma decisiva o regime de Bashar al-Assad e a sua capacidade de continuar a travar a guerra.

Damasco, há meio século, era uma cidade cosmopolita com tendência secular. A Síria manteve o pluralismo religioso e o Islão não era a lepra que ameaça destruir o país e tornar impossível qualquer liberdade.

Ontem, hoje e amanhã (?)…

Imagem
06.Fev. 2012:A operação da EDP correu francamente bem num contexto complicado para Portugal”, diz Jorge Cardoso. “O processo foi transparente e a decisão do Governo correctíssima”, sublinha, destacando que China Three Gorges “traz dinheiro e financiamento para a EDP”. link
17.Jul.2012: Depois de ter sido noticiado na segunda-feira que o DCIAP realizou buscas na Parpública, no Caixa Banco de Investimento (Caixa BI) e no BES Investimento (BESI), a entidade explicou que “as diligências em causa foram levadas a cabo no âmbito do processo conhecido por ´Monte Branco'”. No mesmo comunicado, o DCIAP avançou que, com as mesmas, “pretende esclarecer e investigar a intervenção e conduta de alguns dos assessores financeiros do Estado nos processos de privatização da REN e EDP”. link
Adenda: Jorge Cardoso é o presidente-executivo da Caixa Banco de Investimento (Caixa BI).

Equivalências

Imagem

Vai cair o Carmo e a Trindade…

Imagem
Governo é profundamente corrupto”..., diz bispo Torgal Ferreira à TVI.
E, na continuação desta entrevista, acrescentou: “Eu não acredito nestes tipos, em alguns destes tipos, porque lutam pelos seus interesses, têm o seu gangue, têm o seu clube e pressionam a comunicação social”... link.

Uma deputada do PP espanhol

Imagem
Fabra pede desculpa por escrito. Cometi um erro de que não me sinto honrada. O PP espanhol já a censurou mas procura que o desabafo, com gana, se dirigia aos socialistas e não aos desempregados. Talvez lhe aconteça o que desejou aos desempregados.
Leia aqui

A guerra civil de Espanha

Imagem
Hoje, 18 de Julho, completam-se 76 anos sobre o golpe de Estado que ensanguentou a Espanha e que, de algum modo, iniciou a carnificina que o nazi/fascismo prolongaria até 8 de Maio de 1945.

Na sarjeta da história jazem José Sanjurjo, Emilio Mola y Francisco Franco, os generais que derrubaram o Governo constitucional da Segunda República, de que era presidente Manuel Azaña e primeiro-ministro Santiago Casares Quiroga.

Já no dia anterior tinha havido tentativas de sublevação mas foi no final do dia 18 que se iniciou a guerra civil que havia de deixaria um rasto de sangue, com centenas de milhares de assassínios e incontáveis feridos, entre espanhóis.

O requinte dos fuzilamentos nos campos de touros e o garrote, como instrumento de tortura e morte, foram a imagem de marca da ditadura de Franco que Hitler, Salazar e Moussolini apoiaram.

É a memória sinistra de Franco que, estátua a estátua, foi derrubada em Espanha por Zapatero. É tarde para julgar os cúmplices mas é tempo de divulgar a …

Declarações Antecipadas de Vontade - Lei

Afirmação de um ex-ajudante de ministro

Imagem

Factos & documentos

Imagem

O criminoso nazi mais procurado

Foi localizado na Hungria o criminoso de guerra nazi mais procurado
O centro Wiesenthal acusa a László Csizsik-Csatary de enviar a Auschwitz a 15.700 judeus

Tudo isto é triste

Passos Coelho mantém total confiança em Miguel Relvas - declarou o Dr. primeiro-ministro. Não será o contrário? Que sabe um do outro para deixarem apodrecer o que resta do regime democrático perante o silêncio ensurdecedor de Cavaco?

Só faltava mais esta….

Imagem
«Relvas tem reforma de 2.800 euros por mês» - Correio da Manhã link
Mais um passo dado por esta personalidade e sobre o qual poderemos 'assegurar' que tudo se passou na mais estrita legalidade.
Estará, provavelmente, auferir a reforma vitalícia da sua ‘carreira parlamentar’ que se iniciou precocemente (em 1985 – aos 24 anos), a que acresce uma curta passagem pelo Governo de Durão Barroso (2002-2004).
Mas olhemos para a vertente ética. É difícil compreender como este ente aparece em público a defender e justificar a medida governamental tomada à surrelfa dos portugueses visando a supressão das 'reformas antecipadas’ (Março de 2012) link, quando o próprio é um privilegiado ‘antecipado’.  Enfim, como suspeitamos (ou sabemos) a coerência não é um atributo necessário para fazer política, nem para exercer cargos públicos.
Este homem é um verdadeiro prodígio. Um infatigável coleccionador de 'legalidades' a cavalo das mais variadas calhordices...
Adiante!

A "PACIÊNCIA" DO POVO PORTUGUÊS

Cortejos e procissões,
Fátima, fados e bola,
são as únicas distrações
dum povo que pede esmola.

Meia noite; a marcha passa,
entre canções, ao luar;
bendita seja esta raça
que mata a fome a cantar!

Não, estes versos não são de hoje; circulavam clandestinamente no tempo do regime salazarista, cuja opressão suportámos "pacientemente" durante longos 48 anos. No entanto, parece que continuam atuais.
Em Espanha, bastou o 1º ministro Rajoy anunciar "medidas de austeridade" para os espanhóis, logo no dia seguinte, se revoltarem mais ou menos espontaneamente, em diversas cidades, vindo para a rua, ocupando as praças principais, protestando ruidosamente, e mostrando ao Governo o que o espera se tentar impor tais medidas.
Em Portugal suportamos há quase dois anos medidas ainda ainda mais gravosas. O Governo espolia os portugueses dos seus rendimentos do trabalho, lança dezenas de milhares de trabalhadores no desemprego e milhares de empresas na falência,reduz à pobreza a cl…

Curiosidades

Factos & documentos

Imagem

Factos & documentos

Imagem

Estado da Nação: à margem do debate…

Imagem
O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, garantiu hoje que o Governo «não está nesta altura a preparar qualquer aumento de impostos» e que recusa «pôr porcaria na ventoinha para assustar os portugueses»link (sublinhados nossos)
Nesta altura, definitivamente, não são relevantes os aumentos de impostos. Há tempo para engonhar. A ver vamos quando aparecer à luz do dia o OGE para 2013.
Quanto a imagem da ventoinha teria sido mais contundente usar a expressão vernácula. A ‘imagem’ original é atirar ‘merda’ para a dita. Só que, nesta altura, a ventoinha estará a servir para secar a água que o Governo anda a meter, nomeadamente, no que se refere à execução orçamental link. O resto (a referida ‘porcaria’) aparecerá mais cedo do que o esperado (pelo Governo).
E o ‘susto’, independentemente ventilador, não dissipa com o exercício de uma recorrente chicana política.

A novíssima tragédia espanhola….

Imagem
Un ajuste de 65.000 millones
• 01 Subida del tipo reducido del IVA del 8% al 10%
• 02 Subida del tipo general del IVA del 18% al 21%
• 03 Subida de los impuestos especiales-medioambientales
• 04 Supresión de la deducción por vivienda
• 05 Supresión paga extra a funcionarios y menos días libres
• 06 Reducción prestación de desempleo desde el séptimo mes
• 07 Reforma de las pensiones
• 08 Se reduce un 30% el número de concejales
• 09 Recorte de 600 millones en el gasto de los ministerios
• 10 Recorte del 20% en subvenciones a partidos y sindicatos
[Caixa de El País link]

O devastador e austero ‘ajuste’ anunciado hoje nas Cortes por Mariano Rajoy é uma autêntica ‘bet in the dark’. Isto é, começou mais um drama na Zona Euro. De ajuste em ajuste – negando-se sempre a reconhecê-lo – e na rota de uma galopante desagregação social, Rajoy, ameaça o futuro dos espanhóis.
Este peculiar modelo de ‘troika sem troika’ será a nova invenção do último Conselho Europeu. Sabemos que não existem credores filantró…