Para mais tarde recordar

(...) «Portugal não mexe nas reservas desde 2006. São as 14.ª maiores do mundo.

No início do ano 2000, o banco central português detinha 606,7 toneladas deste metal precioso, quantidade que manteve até ao terceiro trimestre de 2002. Entre essa altura e o segundo trimestre de 2006 vendeu 224,2 toneladas. Ou seja, abriu mão de 36,9% das suas reservas auríferas em quatro anos. Desde aí, não tem vendido nem comprado.» (...)

Durão Barroso – PM 6-4-2002 a 17 -7- 2004
Santana Lopes – PM 17-7-2004 a 12-3-2005
José Sócrates – PM 12-3-2005 a 21-6-2011

Jornal de Negócios

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Vasco Graça Moura

A lista VIP da Autoridade Tributária