Marcelo e a Covid-19

Na sua qualidade de autoridade sanitária o PR decidiu que a pandemia passasse a epidemia.

É tão bom saber de tudo sem guardar para si tamanha diversidade de saberes!

Comentários

Jaime Santos disse…
Pior, o que ele disse foi que tínhamos passado à fase de endemia... Já não bastam os civis que peroram sobre tudo, incluindo o que não entendem, agora temos um PR que se esquece que já não é comentador de televisão.

Mesmo que esta variante seja muito menos perigosa, dado o grande número de contágios que ocorrem devido à mesma, um acumular de casos levará necessariamente à rutura dos sistemas de saúde. Se mantivermos este número de casos diários durante semanas a fio, mesmo se uma percentagem muito pequena de pessoas acabar em UCI (0,01%, uma em cada dez mail), isso levará ao preenchimento de camas de UCI dedicadas até fim de Janeiro.

O que o PR deveria estar a dizer às pessoas é que tomassem cuidado e reduzissem os contactos sociais, se testassem com frequência, mesmo que com auto-testes (e se isolem em caso de infeção, procurando contactar as autoridades de saúde) e claro, se vacinem ou os filhos pequenos se os tiverem.

Infelizmente, este vírus é mais inteligente do que nós, políticos naturalmente incluídos e já se percebeu que a sua rápida capacidade de mutação faz com que as vacinas não representem uma bala mágica, mas apenas o instrumento principal para o combater.

Cautelas e caldos de galinha nunca fizeram mal a ninguém...
Monteiro disse…
Epidemia

Doença que, numa localidade ou região, ataca simultaneamente muitas pessoas.

Pandemia

Surto de uma doença com distribuição geográfica internacional muito alargada e simultânea.

Mas eu acho é que já estamos todos a ficar enxofrados.

Mensagens populares deste blogue

Divagando sobre barretes e 'experiências'…