O trânsfuga que se esquece de si próprio

«Gostaria de ver algumas pessoas presas. Alguns banqueiros, empresários, administradores de empresas, ex-ministros, ex-secretários de Estado, ex-diretores-gerais. Gostava de os ver presos. Essa tropa fandanga…»

(António Barreto, Jornal I, in DN de 1-2-2015, pg. 9)

Comentários

Não quero bater em homem caído,se não caiu,parece. De todas as pessoas conhecidas da política,Universidade,Tropa,etc.,etc., este Barreto é o homem que menos aprecio. Isto não interessa a ninguém,nem a mim,devia ficar calado mas apeteceu-me desabafar. Ufa,que alívio!

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

Efeméride – 30 de outubro de 1975