E não é crime?

Pensando em meu pensamento…

«A ANA esteve a monitorizar o trabalho do SEF por observação local e através de um sistema com câmaras e software» – segundo afirma o Expresso.

Durante o fascismo eram as polícias que vigiavam os cidadãos e as empresas, agora, depois da trágica entrega dos aeroportos (ANA) à iniciativa privada, é esta que vigia as polícias, controla o turismo e mantém o país refém da sua estratégia.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido