Eleições presidenciais – Tiago Mayan Gonçalves / André Ventura

Devo retratar-me da apreciação que fiz do candidato da IL no seu debate com Marcelo, da avaliação severa que fiz, no erro de análise a que não foi alheia a familiaridade do último com as câmaras e o aparecimento de um candidato que vi pela primeira vez.

Hoje, o debate entre Tiago Mayan e o candidato fascista mostrou a abissal diferença que separa dois candidatos da direita dura, o que é radical no campo da economia e o que é radical no ódio, na xenofobia, na exploração dos sentimentos mais primários e no apelo ao que pior pode surgir do ressentimento e da frustração, sem um projeto ou qualquer ideia construtiva.   

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime