terça-feira, outubro 28, 2014

Reflexão

Há numerosos portugueses preocupados com a reeleição de Dilma Roussef. Temem que a permanência do Partido dos Trabalhadores, no poder durante 16 anos, seja um período demasiado longo de um só partido a ocupar presidência… do Brasil.

Curiosamente estas preocupações, aliás legítimas, partem de quem nunca se manifestou contra a mais longa ditadura europeia pelo mesmo esbirro – Salazar.

E nem se dão conta de que consentiram que a lei permitisse a Alberto João Jardim levar já 36 anos de contínuo poder na Madeira, sendo o mais antigo governante euroafricano,

ou

a Jaime Soares, 38 anos à frente da Câmara de Poiares e, depois de legar a maior dívida por habitante, entre todos os municípios portugueses, ser eleito presidente da Liga de Bombeiros Portugueses, lugar que ocupa com a eficiência com que geriu a Câmara.