Saramago e a Bíblia

José Saramago afirmou quea Bíblia é um manual de maus costumes, um catálogo de crueldade e do pior da natureza humana”.

Sobre o livro Caim, que é apresentado hoje a nível mundial, o escritor defendeu que “na Igreja Católica não vai causar problemas porque os católicos não lêem a Bíblia". Mas admitiu que poderá gerar reacções entre os judeus.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime