Saramago em Penafiel

O mais famoso ateu português - para grande contentamento do Presidente da Associação Ateísta Portuguesa - continua a sua cruzada contra a Bíblia, à qual atribui o epíteto de "Manual de maus costumes".

Saramago rumou ao Minho para desestabilizar as almas pecadoras, que, se ouvirem atentamente as suas palavras, poderão ficar em dúvida sobre se Maomé ouvia Deus do ouvido esquerdo ou se terão compreendido mal quando este, Saramago (e não Maomé, nem Deus), afirmou que os católicos não lêem a Bíblia.

Mais uma blasfémia de um ex-jornalista que, tendo feito fortuna à custa dos livros, está a anos-luz (em sentido figurado, porque na verdade a terra só tem 20.000 anos) do volume de vendas do Livro Sagrado, mesmo contando só os compradores que seguem a I.C.A.R..
Enfim, mais uma polémica deste ibérico...!

Comentários

André:

Eu já tinha agendado o post seguinte para a meia noite.

Não tem mal mas permite compreender a razão da duplicação.
andrepereira disse…
A Bem da Nação, os portugueses que abandonam solo pátrio para se refugiarem na infesta Espanha, ainda para mais nas Canárias, dominada por socialistas, jacobinos e infieis, deveriam poder perturbar as almas pecadoras do nosso Portugal? Logo no seu berço verde e húmido do Minho e Alto Douro, onde graçam liturgias e procissões de devotos pecadores que procuram redimir-se dos seus mortais e não letais pecados?
E o Senhor Presidente da AAP não se sente em júbilo de ver que temos entre nós um nobel ateu?
Blizard Beast disse…
Gostava de rectificar que Penafiel não é no Minho mas sim no Douro Litoral. Uma bela cidade, das mais belas do país. Segundo, pensei que a censura já não existia no nosso país. Já que quem não acredita em deus é bombardeado constantemente pela sua eterna presença e tem que respeitar os católicos, porque é que sempre que algum ateu critica a religião é quase queimado vivo? Reciprocidade de respeito exige-se.
Pensei que os tempos da inquisição tinham sido há uns seculos atrás. Mas parece que continua a fogueira e todos os livros que vão contra algo estabelecido continuarão a arder. Esquecem-se que a minha geração tem mais ateus do que própriamente católicos. Quero ver onde estará a Igreja daqui a duas decadas.
Hitler foi culpado pelo Holocausto mas a igreja nunca foi culpada pelos milhões de mortes causadas ao longo de tantos séculos. Quantos Holocaustos isso não seriam?
Sim, ser contra o uso do preservativo é mesmo algo de muito bom senso e de uma instituição muito atenta ao mundo que preside. Sim, a Sida só atenge os homosexuais, esses hereges.
Por favor...
Liberdade de expressão exige-se.
Julio disse…
Palmas para o autor Português, José Saramago!
Não é para fazer publicidade, mas explico cabalmente o que é a Bíblia no meu livro em Inglês “Let Me Explain The Bible” que pode adquirir na www.lulu.com. 540 páginas de incontida investida contra o Autor do dito manual de maus hábitos e má moralidade.
Encontrará também três livros em Português sobre o mesmo tema.

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime