Qual é a lógica?

«O Ministério da Defesa disse esta segunda-feira que as pensões recebidas pelas viúvas dos deficientes das Forças Armadas vão ficar isentas de cortes».

Permitam-me, leitores, que não me pronuncie, agora, sobre a legitimidade dos cortes das pensões, para não introduzir ruído na perplexidade que quero compartilhar.

Se bem entendo há discriminação entre as viúvas de deficientes e as de não deficientes. Sendo uns e outros igualmente defuntos, como igual é a viuvez, não se percebe a lógica. As pensões de sobrevivência parecem variar segundo o grau de saúde do cônjuge antes da defunção.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido