ZÉDALMEIDA

Na morte de um excelente criativo  e grande desenhador.
Zédalmeida era um homem generoso e bom.
Faleceu ontem. Hoje, restam as cinzas de um amigo de há 50 anos. 

E os seus desenhos.





Comentários

Mensagens populares deste blogue

Os incêndios e a chantagem ao Governo

O último pio das aves que já não levantam voo