Eleições para a Câmara de Lisboa


As eleições intercalares para a Câmara de Lisboa vão realizar-se a 1 de Julho, anunciou hoje o Governo Civil de Lisboa.
***
As listas com as candidaturas às eleições intercalares para a Câmara Municipal de Lisboa têm de ser apresentadas até 20 de Maio e a campanha eleitoral começa a 21 de Junho, segundo os prazos previstos na lei.
***
Comentário: Os partidos têm seis dias para apresentarem soluções para os estragos de seis anos.

Comentários

P Amorim disse…
A diferença não será muito grande, seis dias ou seis semanas. Quem está de fora não avalia bem os estragos, v. g. post Durão. Temos de escolher alguém que tenha dado provas de ser sério e competente, e arriscar.
Braveman disse…
O João Soares é um Anjo
Anónimo disse…
O PS vai atirar às feras António Costa...será a 4ª eleição que o partido vai perder.

Assim, Sócrates livra-se dele do governo e líquida-o com as eleições à Câmara de Lisboa...

Sócrates parece ser um "grande amigo" de António Costa.
Anónimo disse…
Quem não terá dificuldades nenhumas em angariar fundos é Sá Fernandes. So espero que ''imaculado'' individuo publico quem financiará a sua campanha.
Não é que tenha nenhuma suspeita sobre este ''imaculado '' individuo, mas ficava-lhe bem, em nome de sua ''transparência''.
Alexandre de Castro disse…
Tomo a liberdade de, abusivamente, deixar no espaço deste artigo uma referência a uma peça já remetida para lugar secundário, por força da necessária actualização e rotatividade noticiosas. Trata-se de realçar a capacidade demonstrada pelo editor do Ponte Europa em se antecipar ao jornal Público e à TVI na divulgação do bárbaro assassinato de uma jovem curda do Iraque, que foi lapidada pelos seus familiares por se ter convertido ao Islão para poder contrair matimónio com um mulçumano por quem se apaixonara. No sábado passado, este blogue difundia a notícia que aqueles dois órgãos de comunicação social só conseguiram referir na segunda feira. Foi sem dúvida um grande "furo" jornalístico, a merecer o devido registo e encómio, e que deveria silenciar ou, pelo menos, moderar a sanha caluniosa e alarve de alguns comentadores anonimos.
e-pá! disse…
O PS vai imolar António Costa, mas as circunstâncias para aí o arrastam...

Marques Mendes, o grande orquestrador desta crise, acaba de ser imolado por Fernando Seara (ao recusar a candidatura!)
Manuel Norberto Baptista Forte disse…
Estragos!?. Desculpem mas, eu que para lá caminho diáriamente há décadas, diria Terramoto.
Se as Eleições vão resolver o assunto, eu por mim tenho sérias dúvidas face ao endividamento Camarário (que vai obstar a muito), à "balança" que se possa vir a "desenhar", entre o Órgão Deliberativo e o Órgão Executivo, e sobretudo, o espírito com o qual as pessoas se candidatam. Há muita Partidarização (antecipadamente), nesta Eleição para o Executivo do maior Municipio do País.

Mensagens populares deste blogue

Os incêndios e a chantagem ao Governo

O último pio das aves que já não levantam voo