Para memória presente (2)


Comentários

Manuel Galvão disse…
Quem não mente não ganha eleições
Quanto mais mente é quem mais eleições ganha...

É fatal como o destino! (eu não acredito em bruxas, mas que as há, há!)

Mensagens populares deste blogue

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido

Nigéria – O Islão é pacífico…

A desmemória e a dissimulação