O inacreditável existe...

“Sim, sempre gostei muito de ler jornais e revistas. Em miúdo lia tudo. Nunca li romances, gosto mais de história das instituições, dos países e da economia. Aliás, a vida real dos países é um romance do caraças e muito ilustrativo!” [Nota: O sublinhado é nosso].
Entrevista de Ferraz da Costa ao jornal Económico em 27.11.2015 link.

Tornou-se, no entanto, um personagem de um ‘romance do caraças’ quando, recentemente, foi chamado por Cavaco Silva a Belém para ser ouvido e para perorar à saída.
Estas são as ‘forças vivas’ que temos…

Comentários

O que eles querem é defender o "deles",a pobreza deve ser olhada e tratada como caridadezinha.

Mensagens populares deste blogue

Nigéria – O Islão é pacífico…

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido

Macron e a ‘primeira-dama': uma ‘majestática’ deriva …