Sur la bonne voie...

Marek Rybinski - foto dnia/news/polski


Cerca de 1 mês após a fuga de Ben-Ali, a Tunísia, enfrenta as primeiras questões sobre a laicidade do futuro regime.

O rastilho que acabou por provocar a primeira manifestação pela laicidade na Tunísia foi o assassínio de um pastor católico polaco, Marek Rybinski, nas proximidades de Tunes, ao que parece, envolvendo esbirros "benalistas".

O governo interino da Tunísia apressou-se a condenar este atentado à vida e a intolerância religiosa que lhe está subjacente.
No entanto, é de registar que o principal movimento islamita tunisino, Ennahda, também condenou, veementemente, esta morte. Mais, o Ennahda, denunciou este caso como "uma manobra para desviar os tunisinos dos objectivos da revolução"... liberation.fr
Entretanto, na rede social Facebook circula uma petição mais concreta: "Por uma Tunísia laica" e "Fim aos actos extremistas"...

Comentário: No bom caminho!

Comentários

Se fôsse um Padre francês ou até
mesmo um Padre italo-roman,que pretendesse converter os descendentes dos cartagineses,não me causava espanto.Mas um polaco?!
Este comentário foi removido pelo autor.

Mensagens populares deste blogue

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido

Nigéria – O Islão é pacífico…

A desmemória e a dissimulação