O regresso de Portugal aos mercados


À decisão do BCE, tomada há meses, de intervir no mercado da dívida e que logo fez baixar as taxas de juros, veio juntar-se, agora, a decisão do Euro-grupo, de  dar mais tempo a Portugal para pagar à Troika.

A auspiciosa oportunidade vai ser reclamada pelo Governo como mérito seu. Não interessa que o Governo de enfeite com os louros da conjuntura europeia. É uma boa notícia para Portugal. Há muito que não sucedia.

Comentários

Curiosamente a Standard & Poors continua a colocar Portugal no nível "lixo" - argumentando que o Tribunal Constitucional ainda pode interferir no O. Estado.
Chantagem declarada, há que derrubar o obstáculo ao PREC 24 de Abril que está em marcha desde que esta gente infame se esgueirou pela porta das eleições, aberta pelos incautos que nela votou!
...emendo: "incautos que nela votaram!"
Subscrevo o comentário, com aplauso, Joaquim Moedas Duarte.

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

Efeméride – 30 de outubro de 1975