Os últimos fuzilamentos do franquismo – 27-09-1975


Há 41 anos, o frio e pio genocida, Francisco Franco, escreveu a última página de horror, perpetrou o derradeiro crime, e derramou o último sangue com que manchou o cadáver adiado de último ditador europeu.

Mais do que as palavras, vale a imagem que os democratas espanhóis publicaram há 1 ano, sobre a última orgia de sangue de que se alimentou o facínora.

Comentários

e-pá! disse…
E no ano anterior (Março de 74) o regime franquista executou, em Barcelona, o anarquista Salvador Puig Antich, fazendo uso de um sinistro instrumento medieval:
- o garrote...

Mensagens populares deste blogue

Nigéria – O Islão é pacífico…

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido

Macron e a ‘primeira-dama': uma ‘majestática’ deriva …