Dito com ar sério...

“Mantive a minha total isenção”

(...) "Mantive escrupulosamente e com o maior rigor o compromisso de total isenção e imparcialidade em face dos diversos partidos. Ao Presidente da República não compete interferir na vida político--partidária ou condicionar a livre escolha dos eleitores", sublinhou o Chefe de Estado, justificando o seu silêncio na campanha eleitoral.

Da mensagem do PR

Comentários

ana disse…
É preciso ter uma grande lata...Basta rever as declarações de s.exª nos últimos tempos, entre as quais a resposta à jornalista "Você não é ingénua, pois não? Eu também não."
Afinal o sr. presidente é bastante ingénuo. Muito ingénuo mesmo. E o que é muito pior, pouco corajoso, sempre a insinuar sem ser capaz de dizer.

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime