Não parece...


José Sócrates diz que Presidente da República está "acima da disputa eleitoral"

Comentário: A gravidade da situação, com contornos de conspiração, justifica que o Ponte Europa, através da visão de cada um dos seus colaboradores, comente a gravidade dos factos.

Comentários

e-pá! disse…
CE:

Este é, de facto, um "caso" de extrema gravidade.A decisão do PR de deferir o cabal esclarecimento desta conturbada situação para depois das eleições, parecendo ser uma posição prudente, pode vir a redundar num deficiente esclarecimento do estado das rlações entre os diferentes orgãos de soberania.
Este esclarecimento pode ser fundamental para o exercício do voto.

Até porque, muitos eleitores, de modo fundamentado, ou não, receiam que possam existir partidos que se "encostem" - na tentativa de usufruir proveitos - a Belém.De qualquer maneira penso que o intuito do Senhor Presidente da Republica vai ser ultrapassado pela realidade.

A imprensa não vai largar este caso.
Hoje mesmo a RTP-N vai promover (penso que às 23 h) um debate sobre este caso.

Por outro lado, o passar do tempo - e o Sr. PR deve ter consciência disso - degrada a convivência inter-institucional.
Doa a quem doer, na democracia existem situações cujo esclarecimento é inadiável...sobre pena de conspurcar o sistema e infectá-lo com o vírus da conspiração e da desconfiança.
Rasputine Saloio disse…
O Sócrates tem de manter a compostura pois, caso ganhe as eleições, vai ter de aturar um sr. Silva cada vez mais ressabiado.
ana disse…
Antes ou depois das eleições, da parte de Cavaco não espero o esclarecimento dos factos. Há-de fazer como sempre fez até aqui, enredar a verdade e a mentira de maneira a tentar sair ileso. É um hipócrita, oxalá lhe saia o tiro pela culatra.

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime