Ponte Europa deseja Boas Festas aos leitores

Caros leitores:

Chegados ao fim de mais um ano, é mister apresentar os votos canónicos de Boas Festas e desejar um feliz Ano Novo. O desejo existe, mas só um incauto acredita.

Em Portugal, os deuses ensandeceram. Com a nossa ajuda, é certo. O desalento grassa, com Passos Coelho, Portas e Cavaco a cuidarem do pântano profetizado por um piedoso engenheiro.

Sobre a Pátria estamos conversados. Valham-nos os versos de O’Neill:

Portugal: questão que eu tenho comigo mesmo
golpe até ao osso, fome sem entretém
....
meu remorso
meu remorso de todos nós...

Para desgraça já basta o ano que ora finda. Para vergonha tivemos a estátua 8,5 metros, em Braga, para o cónego Melo.

Reitero os votos de um feliz 2014, na convicção de que será demasiado mau e com o enorme desejo de errar.

Um abraço.

PONTE EUROPA

Comentários

e-pá! disse…
Bom ano!
Toca a reunir forças para resistir aos infortúnios que se adivinham e avizinham...
jrd disse…
Os rituais repetem-se ano após ano. Nada muda, nem sequer as ilusões...
Um abraço

Mensagens populares deste blogue

Goldman Sachs, política e terrorismo financeiro

Miranda do Corvo, 11 de setembro

Maria Luís e a falta de vergonha desta direita