A França, o terrorismo e as eleições

O terror está na origem da atração pelo fascismo islâmico e o medo que este induz foi o motor da vitória eleitoral da extrema-direita na primeira volta das eleições regionais. Na segunda volta não desapareceu a preocupação democrática e o fogo que lavra na União Europeia, mas a demência extremista da Frente Nacional foi contida.

Em França, onde a direita é civilizada e urbana, ao contrário da coligação portuguesa, a extrema-direita tem espaço para crescer e ainda está a dois ou três atentados islâmicos da conquista do poder. Urge conter a demência da fé.

O medo que levou os franceses a votar na extrema-direita à primeira volta provocou um  medo maior que fez sair de casa, à segunda, mais eleitores em defesa da República.

Não é motivo de tranquilidade mas os vencedores da Frente Nacional foram arredados do poder regional em França. Salvas as devidas distâncias ideológicas, vivi a angústia de Marine Le Pen e Marion Maréchal-Le Pen com a mesma alegria com que vivi a de Portas, Passos Coelho e Cavaco com a formação do atual governo em Portugal.

Comentários

e-pá! disse…
A chamada 'Frente Republicana' que conteve a ameaça da extrema-direita, corporizada pela Front National, contem no seu interior o vírus que - se nada for feito - fará estilhaçar a esquerda 'liberal-socialista' de Hollande e Vals.

Para a esquerda francesa, o que se passou neste domingo, representa um 'alívio democrático' que permitirá respirar mais algum tempo em liberdade, mas será também a última oportunidade para rever a sua praxis e decidir-se por outros caminhos.

Depois destas eleições não há vencedores (políticos) e para além de um elevado e manifesto sentido de responsabilidade cívica e democrática, poucas outras coisas podem ser salientadas.

A governação socialista, tal como tem sido conduzida, chegou ao fim da picada. A Valls resta demitir-se e a Hollande convocar o partido para debater a encruzilhada e corrigir a rota.
Na realidade, fora a região da Bretanha tudo escapou à Esquerda. E a apropriação já em marcha pelo partido de Sarkozy (colonizando desde já a designação 'republicano') do enviesamento subjacente aos resultados conseguidos não pode tranquilizar a Esquerda.
Em breve, se tudo continuar na mesma, Sarkozy poderá ser uma nova ameaça a acrescentar à Marine Le Pen. Seria bom não esquecer este dilema.
mensagensnanett disse…
PAROLIZADORES DE OTÁRIOS


Os parolizadores de otários falam em povos mais ricos e em povos mais pobres... em povos em ascensão e em povos em declínio... procurando desviar as atenções daquilo que é essencial - CRIAR CONDIÇÕES DE SOBREVIVÊNCIA: todos diferentes, todos iguais... isto é: todas as Identidades Autóctones devem possuir o Direito de ter o seu espaço no planeta [Inclusive as de 'baixo rendimento demográfico'! Inclusive as 'economicamente pouco rentáveis'!]
.
Os separatistas-50-50 não são ANTI isto ou aquilo... são é PRÓ Direito à Sobrevivência!
.
-» Quando se fala no (legítimo) Direito à Sobrevivência de Identidades Autóctones... Nazis-Económicos (nazis-made-in-USA) desde há séculos com a bênção de responsáveis da Igreja Católica - proclamam logo: «a sobrevivência de Identidades Autóctones provoca danos à economia...»
[nota: os Nazis-Económicos provocaram holocaustos massivos em Identidades Autóctones]
.
.
.
P.S.
-» Nazismo não é o ser 'alto e louro', bla bla bla,... mas sim... a busca de pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros.
-» Os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa!
-» Existem ´globalization-lovers´... e existem ´globalization-lovers´ nazis (estes buscam pretextos para negar o Direito à Sobrevivência das Identidades Autóctones).
.
P.S.2.
Direitos que já há alguns anos (comecei nos fóruns clix e sapo) aqui o je vem divulgando:
1- O Direito à Sobrevivência de Identidades Autóctones : ver blog "http://separatismo--50--50.blogspot.com/".
2- O Direito à Monoparentalidade em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas: ver blog "http://tabusexo.blogspot.com/".
3- O Direito ao Veto de quem Paga: ver blog "http://fimcidadaniainfantil.blogspot.pt/".

Mensagens populares deste blogue

Nigéria – O Islão é pacífico…

A desmemória e a dissimulação

Miranda do Corvo, 11 de setembro