6 de março de 2014 – efemérides


1475 – Nasce Miguel Ângelo pintor, escultor, poeta e arquiteto italiano, um dos maiores criadores de arte do ocidente. As estátuas David e Pietá, bem como os frescos da Capela Sistina e da Biblioteca do Vaticano, são obras que eternizam o seu génio e o glorificam.

1851 – Nasce Miguel Bombarda, pioneiro da psiquiatria, militante republicano e um dos obreiros da implantação da República, em 5 de outubro de 1910.

1871 – Nasce, em Seia, Afonso Costa, fundador e dirigente do Partido Democrático, um dos maiores vultos da República, legislador, governante e defensor da laicidade.

1919 – O Governo da I República lança a política da habitação social, com a construção de bairros operários na Margem Sul do Tejo, junto a Lisboa.

1921 – É fundado o Partido Comunista Português, secção Portuguesa da Internacional Comunista (Comintern). Ilegalizado pela ditadura fascista de Salazar, foi o único partido organizado que lhe moveu uma feroz e persistente oposição.

1944 – A Força Aérea norte-americana começa os bombardeamentos diurnos a Berlim, numa antecipação da vitória que começava a desenhar-se contra a besta nazi.

1992 – Morre, em Paris, a pintora portuguesa Maria Helena Vieira da Silva, filha de um embaixador português e neta de Silva Graça, fundador do jornal O Século. O casamento com outro grande pintor, o judeu húngaro Árpád Szenes, fê-la perder a nacionalidade, tornando-se um casal de apátridas a quem o sinistro Salazar negou a nacionalidade.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido