Para onde caminham os franceses e as francesas?...


Sondage:

Marine Le Pen en tête au premier tour de la présidentielle... [2012]

Comentários

Manel disse…
Depois dos italianos terem votado em Berlusconi, já nada me admira.
Andam por aí salvadores à solta!
É sem dúvida uma péssima notícia para a França, para a Europa e para a democracia essa persistente subida da extrema direita xenófoba e racista.

Mas há que pensar nas razões que estão na base desse fenómeno. Os franceses não são congenitamente xenófobos, nem o são mais que os outros povos europeus. Aliás, nos anos 60 a França foi "invadida" por cerca de um milhão de imigrantes portugueses e não me consta que isso tenha provocado qualquer reação sensível de xenofobia nos franceses.

O que há é imigrantes e imigrantes. E, correndo o risco de ser politicamente incorreto, sempre direi que a verdade - incómoda mas real - é que alguns são indesejáveis em qualquer parte do mundo civilizado. Ora é o comportamento desses que faz crescer a xenofobia, sobretudo nas classes menos ilustradas.

Tais imigrantes, que querem trazer a barbárie para dentro da Europa, acabam assim por ser os responsáveis pelo incremento da extrema direita europeia.

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime