O que pode correr mal, corre sempre pior e da pior maneira

O indicador que mede o clima económico em Portugal atingiu um mínimo histórico em Novembro, com uma redução de 5% face a Outubro, anunciou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Este indicador, medido através de inquéritos qualitativos às principais áreas económicas nacionais, registou a redução mais intensa de 2012 e desceu para o valor mais baixo desde que foi iniciado o registo, em 1998.

Comentários

e-pá! disse…
Na verdade, um desastre.
Mas a versão oficial deverá continuar: "está tudo a correr bem". Ou, "estamos a fazer progressos"...

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime