sexta-feira, março 16, 2007

Co-incineração - Polémica em «O Despertar»

Na sequência do meu artigo «Co-incineração e o amor aos lixos» e da resposta que mereceu do Dr. Castanheira Barros (Advogado), em carta do leitor, com o título «Lixo Intelectual», foi hoje publicada a minha resposta, igualmente em «O Despertar».

Aqui fica o respectivo texto:


Resposta ao Dr. Castanheira Barros


Lixo intelectual ou frete partidário?


A carta do Sr. Dr. Castanheira Barros, publicada no Semanário “O Despertar” de 09-03-2007, com o significativo título «Lixo Intelectual», criticando o meu artigo «co-incineração e amor aos lixos», só é inteligível à luz de quem anunciou à LUSA que teria muitos apoios no PSD para vir a integrar o Tribunal Constitucional (sublinhado meu).


No entanto, é meu dever responder-lhe pela consideração que o leitor merece e pelo respeito que nutro pela advocacia:

Manda a prudência que, em vez de aceitar os fundamentos de um especialista… em direito, seja mais cauto aceitar os argumentos da comissão científica independente, adrede nomeada, que demonstraram à saciedade que é muito mais barata do que a incineração dedicada, não produz resíduos de resíduos, é mais amiga do ambiente e proporciona uma eficiente destruição térmica dos resíduos industriais perigosos (RIP).


O estado da arte aponta para a bondade da co-incineração na eliminação dos RIP, desde a legislação comunitária e a norte-americana até ao parecer da referida Comissão Científica, cuja independência política e probidade científica nunca foram contestadas. Só Durão Barroso, em campanha eleitoral, declarou: «Se quatro cientistas apoiam a co-incineração não será difícil arranjar outros tantos que digam o contrário» – num desatino verbal e total desrespeito pela ciência e pelos cientistas.


Os adversários da co-incineração, após cada derrota, exigem nova desforra, indiferentes a que Portugal se tenha transformado numa imensa montureira com mais de 1400 locais contaminados com milhões de toneladas de RIP à solta.


Felizmente vivemos num Estado de direito – e bem –, o que me impede de criar o «Tribunal do lixo», objectivo que o Dr. Castanheira Barros me atribui e que – ainda melhor –, impede que a sua opinião faça jurisprudência.

Só mais três rápidas observações:

1 – Quando me acusa de subserviência às teses do Eng. Sócrates comete o erro de me atribuir um comportamento ético indigno que a minha postura cívica desmente;


2 – Quando afirma que «Para termos um País mais limpo e um ambiente mais sadio é que andamos a lutar contra a co-incineração dos resíduos perigosos e contra o lixo intelectual que anda por aí a céu aberto», não percebi se usa o plural majestático ou fala em nome de alguma associação partidária, sendo certo que «contra o lixo intelectual que anda por aí a céu aberto» basta, como profilaxia, o recato domiciliário;


3 – Quanto à sanha em relação aos «interesses das cimenteiras e seus lacaios», é a sua opção ideológica que me cabe respeitar na forma e no conteúdo.


Temo que, em vez do artigo de opinião que pretendia escrever, o Dr. Castanheira Barros tenha gerado um panfleto partidário. Tanto pior, porque – como diz – o pior dos lixos é o intelectual.

17 Comments:

At sexta mar 16, 11:58:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Hoje, quando circulava no IC2, no sentido da Baixa, vi um grande cartaz dizendo; "ELES QUEREM QUE COIMBRA SEJA A CAPITAL DO LIXO", fiquei contente, há por aí cidadãos activos contra o que Sócrates quer para a nossa cidade.

A CO-INCINERAÇÃO, não passará.

VIVA COIMBRA LIMPA.

 
At sexta mar 16, 01:03:00 da tarde, Blogger Camisa Azul said...

A CO-INCINERAÇÃO, não passará.

VIVA COIMBRA LIMPA.

 
At sexta mar 16, 02:53:00 da tarde, Anonymous jrd said...

Seja como for. Despachem-se!!!

 
At sexta mar 16, 05:09:00 da tarde, Blogger The_new_hope said...

Este é mais um dos assuntos por resolver e que é herança do antigo governo do P.S.D.. Queria resolvê-lo, afiançou que o fazia e nada! Quando alguém ousa alvitrar uma solução toda a gente se indigna. Já começo a desconfiar que quem critica e não alvitra soluções é uma de três coisas: ou da oposição ao governo, ou residente do local de destino das soluções ou pior, pouco inteligente e logo intelectualmente injusto.

Uma solução tem que haver e quem não as quiser aí sim que seja coerente e abra as portas de sua casa para eu lá depositar o lixo!

Ninguém gosta das soluções mas gostaremos mais do lixo?

 
At sexta mar 16, 07:24:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

esta maltosa só usa este argumento para andar á tona,é a velha politica de nada fazer mas ser contra quem faz.

 
At sexta mar 16, 10:05:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O Dr. Castanheira Barros membro do Tribunal Constitucional?!
Ah! Ah! Ah!Ah!

 
At sexta mar 16, 10:13:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Ah! Ah! Ah! Ah!

 
At sexta mar 16, 10:54:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Ah! Ah! Ah! Ah!

 
At sexta mar 16, 11:33:00 da tarde, Anonymous justo said...

Está de parabéns o Dr. Castanheira Barros.
A resposta do diz que sim a todo o lixo que o Engº Sócrates (licenciatura adquirida na grande Universidade Independente, repito Independente)produz confirma isso mesmo.
CE não se enxerga mesmo...

 
At sábado mar 17, 12:21:00 da manhã, Anonymous Carlos Esperança said...

justo:

Dê-me um argumento contra o que escrevi para fingir que sabe do que está a falar.

Os parabéns ao futuro Conselheiro do TC mande-lhos pessoalmente. Quanto ao resto, não vem a propósito.

 
At sábado mar 17, 03:15:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Ainda estou cá a pensar nessa do Dr. Catanheira Barros...Ah! Ah! Ah! no Tribunal Constitucional! Ih! Ih!Ih! Ih!

 
At sábado mar 17, 09:33:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Castanheira Barros no Tribunal Constitucional se o PSD o apoiar, é verdade... decerto tem ganho pontos pela sua cruzada, contra a co-incineração.

Ao invés, há gente que na mira dalguma benesse, diz sim, a tudo que Sócrates vomita...haja honestidade.

VIVA COIMBRA LIMPA, SEMPRE.

 
At sábado mar 17, 10:08:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Nunca vi Sócrates a vomitar.
Mas já vi de facto muita gente à procura de benesses...como ir para o Tribunal Constitucional!
Haja honestidade!

 
At domingo mar 18, 10:12:00 da manhã, Anonymous Mnauel Norberto Baptista Forte said...

Co-incineração, por exemplo no Parque Natural da Arrábida, é mesmo só para causar lixo, e posso dizê-lo com alguma propriedade que há muita gente neste Distrito, que desconhece o que é tal, e demais "alíneas subjacentes" ao processo.
Co-incineração em Souselas, só se pede bom senso pois não só a população de Souselas, como a das povoações limítrofes foram ao longo de anos (e muitos) sacrificads pelo pó da cimenteira.
Por fim,não tendo capacidade técnica para avaliar, digo tão sómente que é um processo de tratar lixos industriais, que se Legislou para tal e ... quase mais nada; tantas "curvas" tem havido neste Processo, não acham ?.

 
At domingo mar 18, 02:02:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Vejam só o nível da música que companha este "simpático" site:
http://castanheirabarros.homestead.com/

 
At domingo mar 18, 08:13:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O site é simpático, a música é óptima e o autor tem demonstrado capacidade, na luta contra a co-incineração.

VIVA COIMBRA LIMPA.

 
At quinta mar 22, 07:22:00 da tarde, Blogger JN said...

Gostei do tabefe intelectual. Quanto`à co-incineração, sou contra, só em ultimo estágio e sempre perto do sitio que os produz.
A opção por Coimbra é politica e nisso não posso minimamente concordar

 

Enviar um comentário

<< Home