" RESGATE " DE MANUEL ALEGRE


Nada melhor para enfrentar o ano negro com que nos ameaçam do que este recentíssimo poema do Poeta da Esperança (escrito em 23/12/2012 e publicado em www.manuelalegre.com ):


                  Resgate



Há qualquer coisa aqui de que não gostam

da terra das pessoas ou talvez

deles próprios

cortam isto e aquilo e sobretudo

cortam em nós

culpados sem sabermos de quê

transformados em números estatísticas

défices de vida e de sonho

dívida pública dívida

de alma

há qualquer coisa em nós de que não gostam

talvez o riso esse

desperdício.

Trazem palavras de outra língua

e quando falam a boca não tem lábios

trazem sermões e regras e dias sem futuro

nós pecadores do Sul nos confessamos

amamos a terra o vinho o sol o mar

amamos o amor e não pedimos desculpa.



Por isso podem cortar

punir

tirar a música às vogais

recrutar quem vos sirva

não podem cortar o verão

nem o azul que mora

aqui

não podem cortar quem somos.



Águeda 23/12/2012

Manuel Alegre



Comentários

e dizem que com a idade melhora...

melhora nada tá senil...

também nunca soube fazer contas

já pagou o meio-milhão de dívidas da campanha

ou foi pró rol dos devedores da CGD?
precocemente senil e deixarei um buraco enorme no país com a minha partida....

mas isso é porque tal como o tenente do PRD durante 30 anos servindo o país em partidos com P...e mais ou menos D...
e outros anos em comissões várias

engordámos ao serviço do povo


trabalhando excessivamente sentados

e engordámos a bem da noção
de servirmos a nação...
obviamente resgatem-no....

mais resgatado ou menos no estado a que chegámos já lá vão 800 anos e muitos picos..
É QUE poetas e petas de meia tijela há milhões no fadistão...

DESDE QUE PARTAM DESTA PARA MELHOR EMPOBRECENDO A NAÇÃO DO AMASSÃO AGENTE AGRADECE
QUANDO NOS ABISMOS, ACORDOS NÃO HOUVER

NEM CONFIANÇAS NA DÍVIDA VICIOSA

NEM CONVERTIBILIDADE AO AMAR UMA ROSA

QUE SE DESFOLHA NAS GARRAS DO PHODER


E NAS LETRAS RUDES EM PARÁGRAFOS VAGOS

DESTRUIREM A ESPERANÇA DAS NOTAS FALSAS

O TEMPO ESCORRERRÁ EM HORAS DESCALÇAS

E SORVERÁ NOS VAZIOS OS LETRADOS PAGOS

E SE ANTIGOS POETAS FICAM HIRTOS E MUDOS

E SÓ SOLTAM ROSNIDOS DE LETRAS AGRESTES

QUE NOS COMEM VIVOS E EMPENHAM AS VESTES

MAIS VALE ENTÃO ENCHEREM OS VELUDOS

E DEIXAREM O POVO CARREGAR O PESADO

CAIXOTE DE PINHO DE FATAL BAILADO

CHORAREMOS ENTÃO TEU GRANDE IRMÃO





QUE DEIXOU ORFÃ A ALMA DA NOÇÃO NAÇÃO

AO PARTIR PRECOCEMENTE AO ESTILO MAÇÃO

PARA A BAHIA OU PARIS DE AVIÃO

OU ENTÃO NÃO....
rui disse…
poema lindo caro poeta continue assim voce e genuino
rui disse…
nao ligues a vozes de burro nao chegam a ceu
Luis Kurrubi disse…
Freguesia de S. Martinho de Anta - Terra de Miguel Torga - desejava enviar um convite ao Sr. Dr. Manuel Alegre para assistir e participar à cerimónia de comemoraqção dos 20 amos da morte de Torga e homenagem a António Arnaut. Podiam facultar-nos os eus telefones e ou e- mail?
Muito Grato
O Presidente da Freguesia
Luis Gonçalves

luis.kurrubi@gmail.com
Isso insultem o Torga um exemplo de discrição e de rectidão convidando este vaidosão de merda (senhor,que jamais Doutor , como se intitula!)
Este poeta de merda nem escrever sabe,a saber:

"isso podem cortar
punir
tirar a música às vogais
recrutar quem vos sirva
não podem cortar o verão
nem o azul (...)"

O poeta (?) usa a 2a pessoa do plural "vos sirva" conjugando-a na 3a pessoa "podem".. Correcto seria "recrutar quem vos sirva não podeis (...)"
Quando assim é mais vale estarmos quietos e calados,foda-se!
Este poeta de merda nem escrever sabe,a saber:

"isso podem cortar
punir
tirar a música às vogais
recrutar quem vos sirva
não podem cortar o verão
nem o azul (...)"

O poeta (?) usa a 2a pessoa do plural "vos sirva" conjugando-a na 3a pessoa "podem".. Correcto seria "recrutar quem vos sirva não podeis (...)"
Quando assim é mais vale estarmos quietos e calados,foda-se!

Mensagens populares deste blogue

Vasco Graça Moura

Notas sobre a crise venezuelana…