Lá como cá e/ou cá como lá... !

Aqui ao lado – em Espanha – o Governo de direita dirigido pelo PP de Mariano Rajoy prossegue na sua envergonhada mas decidida senda de ‘ajustamento’ (embora formalmente não tenha assinado um programa de assistência).

Lá como cá existe um profundo fosso entre as demagógicas promessas eleitorais e a presente acção governativa. Mas a Direita – também cá como lá - continua sobranceira, atrevida e mistificadora. Regressou aos velhos tempos em que repetida e falaciosamente tentou iludir a realidade (nacional e do Mundo) com 'malabarismos semânticos'. Este o espesso drama histórico e político que inundou ambas as ditaduras ibéricas à volta da tríade: Deus, Pátria e Família.

Lá, a 'vistosa' vice-presidente do Governo espanhol - Soraya Sáenz de Santamaría – fazendo jus ao seu elaborado aspecto de ‘ex-jotinha’, anunciou a subida do IRC espanhol, a inserir no dramático quadro recessivo e de incontrolável desemprego, como uma ‘novidade tributária’… link.


Igualmente, por cá, Vítor Gaspar, indiciado 'vice-chefe' do Governo português – com um ar de ‘rato de laboratório’ - confrontado com o chumbo do TC à 'imoral' taxação que, no OE-2013, fez incidir sobre os subsídios de doença e de desemprego, não admitiu repô-los, mas antes, ‘redesenhá-los’… link.

De facto, esta Direita neoliberal é flexível, sofisticada e volúvel, em temos de retórica, mas completamente vazia em termos de dignidade, respeitabilidade e confiança.
Que seja esta – ao menos – a lição a retirar desta dramática ‘crise europeia’, para memória futura.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Associação Ateísta Portuguesa (AAP) - RTP-1