BASTA ! E DEIXEM-ME EM PAZ !

Esta manhã estava eu, como de costume, a trabalhar no meu escritório na rua Ferreira Borges, Coimbra, quando os meus tímpanos começaram a ser agredidos por uns ruídos irritantes provindos da Portagem. Como tais ruídos começassem a tornar-se insuportáveis, vim à varanda e imaginem o que vi: umas escassas dezenas de gatos-pingados agitando ignotas bandeiras e berrando que nem possessos qualquer coisa como "Aliança Portugal".

Como o bando fosse capitaneado por Rangel, Nuno Melo e outros cujos nomes não conheço, logo desconfiei tratar-se de propaganda eleitoral daquela sinistra coligação.

Logo resolvi recebê-los condignamente e fui rapidamente buscar uma targeta a dizer "BASTA" que conservava para o que desse e viesse e que, segurando-a a mãos ambas, lhes exibi da varanda para lhes mostrar o meu "apreço".

À cautela, não venham eles ou outros que tais reincidir na facécia apanhando-me ausente do escritório, resolvi deixar a tarjeta colada na varanda. Tenho é que arranjar uma maior, que aquela vê-se pouco!

É possível que a cena seja transmitida logo no "Jornal da Noite" da SIC. Não percam!

Comentários

Muitos gritamos consigo "BASTA"!
Muitos gritamos consigo "BASTA"!

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido