Uma viagem da China

Não entendo a utilidade, no luzidio séquito do PR à China, da presença da inevitável prótese, também conhecida por primeira dama.

Quando o DN disse que Cavaco levou à China 1/5 do PIB português, não se percebe se foi incluída na fração. Os serviços da PR propalaram que esta foi a mais importante viagem de Cavaco Silva nos seus dois mandatos, não se sabendo sob que ponto de vista e em proveito de quem.

A excursão parecia uma romagem de saudade às empresas que foram nossas e espera-se que não seja um ato de vassalagem aos novos donos.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido