Europa! E Agora? - em notícia

http://www.asbeiras.pt/?area=coimbra&numero=25099&ed=13072005
In Diário As Beiras de 12-07-2005
António Alves
"DEBATE - Que futuro para a Europa?As dúvidas que pairam sobre o futuro da Europa marcaram o primeiro debate organizado pelo AGIR - Clube de Política. O socialista Vital Moreira e o social–democrata Barbosa de Melo foram os oradores de uma sessão que contou com a presença de Francisco Gorjão Henriques.Para o constitucionalista Vital Moreira, uma das soluções para a crise europeia é “não fazer nada e esperar sentado”, isto apesar do sim luxemburguês ter dado um sinal positivo para sair da situação. Mesmo que não altere o rumo dos acontecimentos, a resposta dada no passado fim–de–semana significa “que há países que não abdicam de ter a sua posição própria e o facto de ter havido dois países a dizer não, isso não impediu os outros de dizerem sim”. “Mesmo que a posição francesa e holandesa se venha a confirmar no futuro, no seguimento há–de haver uma revisão da matéria”, disse.Desta forma, o constitucionalista defendeu que Portugal e os restantes países devem tomar uma posição “o mais rapidamente possível e retomar a discussão após o prazo dado na último Conselho Europeu”. Caso os restantes países respondam sim, “o poder da França e Holanda é muito menor para refazer tudo”. “É tudo uma questão de correlação de forças políticas”, afirmou.Na opinião de Vital Moreira, o não foi aproveitado pelos franceses e holandeses para expressarem “o que lhes ia na alma e votaram contra a crise social, a Índia, China e a imigração”. “O tratado Constitucional foi o bode expiatório, mas não podemos desvalorizar essa crise”, lembrou.Como tal, o docente universitário defendeu que a União Europeia deve encontrar políticas “que satisfaçam o sentido de crise dos cidadãos”. A solução, segundo Vital Moreira, será “parar para pensar; essa será uma decisão prudente mas não deve levar ao abandono da Constituição”.Barbosa de Melo também é da opinião de que a resposta negativa não influenciará o rumo da Europa. Na sua opinião, “a locomotiva não ia bem orientada, agora entrou de novo nos carris”. Sobre a necessidade de uma nova constituição, essa situação demorará uns anos a ser apurado. Apesar de não querer fazer futurologia, Barbosa de Melo defendeu uma revisão desse texto “pois está abaixo da racionalidade europeia”. "

Comentários

sargento_pimenta disse…
Ainda neste mesmo jornal, aparece :

«A Comissão Política Concelhia do PS de Soure enviou uma carta aberta aos militantes do concelho em que repudia a actuação do presidente da Federação Distrital de Coimbra, Victor Baptista, pela forma como conduziu o processo autárquico em Soure. Na referida carta aberta, dirigida aos militantes, os socialistas do concelho caracterizam a atitude do líder distrital de “antidemocrática e antisocialista”.»
Anónimo disse…
Ó André...alguém te aconselhou mal. Estás a encostar-te a quem não só não te arranja nada como a quem está mal visto entre os conimbricenses.
Anónimo disse…
PONHA A BOCA NO TROMBONE

Dê nome aos boys

jornaleirosdecoimbra.blogspot.com

Os comentários fazem a informação

Tiros em todas as direções,pela democracia genérica,sem necessidade de receita médica
Curiosamente, os mais críticos das posições do PS são aqueles que não deixam os adversários expressar-se nas caixas de comentários dos seus blogues.

Foi sempre assim. Os mais intolerantes são os primeiros a aproveitar-se da tolerância alheia.

Os maiores adversários da democracia são os que melhor usam os seus mecanismos.

É a vida.
Politicae disse…
Carlos Esperança:

Deve estar a referir-se ao blog do club Agir que não permite comentários imediatos.
Quanto ao politicaehouse, os seus administradores por estarem bem cientes da co-responsabilização em que incorrem por permitir, através deste seu meio, ofensas e acusações passíveis de procedimento criminal, não permite, como é óbvio que situações deste tipo ocorram no politicaehouse.
Este é sim, meu caro Esperança, o nosso conceito de Democracia que bem distinguimos do conceito de livre arbítrio e anarquia.
Apagamos, sim, todos os comentários que acusem pessoas e ofendam pessoas. Não apagaremos comentários que emitam opiniões políticas e pessoais sobre pessoas.
Cada um assume a sua responsabilidade. Nós assumimos a nossa. O Ponteeiropa assumirá a que quiser.
Anónimo disse…
Olha, Olha!!!
O Politica e house enfiou a carapuça....
Politicae disse…
O politicaehouse não "enfia" carapuças, aliás outros houve que premiaram "carapuças" no distruito. O politicaehouse assume-se crítico de muito do que se passa do PS e no PSD. Ponto.
Se o Sr. Carlos Esperança se estava a referir a nós, tem aí a resposta.
Politicae disse…
Uma última nota:
Para que conste já apagámos muitas ofensas e acusações graves, passíveis de procedimento criminal, que muitos anónimos dirigiram ao candidato Victor Baptista do PS e voltaremos a fazê-lo quantas vezes forem necessárias.
Anónimo disse…
Não apages... deixa lá estar as do Batista (sem p).
Politicae:

Para que conste:

Reitero a afirmação «Curiosamente, os mais críticos das posições do PS são aqueles que não deixam os adversários expressar-se nas caixas de comentários dos seus blogues».

Não me referi a nenhum, em especial, e não posso qualificar de direita o «Politicae» sem ter elementos que me permitam julgá-lo.
Não era, pois, visado.

Nunca fiz um comentário anónimo nem escondo a identidade.

Bastou-me o período anterior ao 25 de Abril.

Espero que esses tempos não voltem.
Politicae disse…
Sr. Esperança:

O Ponte Europa assume-se como sendo de esquerda. Pois, mas o politicaehouse não é de esquerda nem de direita. É composto por administradores que vestem, poucos, as camisolas políticas do PS e do PSD, porém há outros independentes. Aqui cada um veste a camisola em que acredita.
Quanto aos comentadores, esses tanto aparentam ser de direita como de esquerda, em qualquer um dos casos o que quisemos afirmar foi que quando se acusa, a menos que se prove, o politicaehouse apagará conscientemente esses comentários.
Politicae disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Politicae disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Politicae disse…
Já agora permita-nos um breve comentário:

Esses tempos, meu caro, voltaram num certo sentido e de certa forma são bem mais perigosos. São os tempos em que sob a capa da Democracia se perseguem pessoas, se prejudicam pessoas se "abatem pessoas" só porque elas não concordam e se manifestam contra posições e interesses de alguns.
E é por isso que o politicaehouse, no limite da ofensa e com esse limite criminal, permite o anonimato do comentário político e cívico. Aliás damos nós o exemplo, para que nenhum dos comentadores se iniba de o fazer só porque não quer ser identificado.
Os interesses que perpassam todos os partidos, em especial os dois maiores, são as novas ameaças da Democracia.
Percebeu ?
Anónimo disse…
This is very interesting site...
salvage sc lexus

Mensagens populares deste blogue

Goldman Sachs, política e terrorismo financeiro

Miranda do Corvo, 11 de setembro

Maria Luís e a falta de vergonha desta direita