Coimbra – Bairro de S. Sebastião


Talvez para comemorar um novo máximo dos combustíveis fósseis nos mercados internacionais, esta tarde os candeeiros públicos mantiveram-se acesos.

A intensa luminosidade de grande parte da tarde não deu para apreciar a generosidade que se repete com frequência.

Olho pela janela, agora que o céu escureceu. É uma pena a luz do dia ofuscar a que brota das lâmpadas da iluminação pública. Estragam-nos com mimos.

Comentários

Anónimo disse…
Não se descobriu petróleo cá no bairro, apenas a forma de o desperdiçar.
Anónimo disse…
Um grande abraço, por esta inesperada e saudável ironia!
Anónimo disse…
mas isso é uma prática corrente,neste Pais desorganizado.
Mano 69 disse…
O anónimo falou em corrente?
Anónimo disse…
presumo que percebi....a sua subtil ironia.
The_new_hope disse…
Amigos,

É óbvio que todos nos devemos preocupar com o desperdício, mas da mesma forma em que somos rápidos na critica, devíamos igualmente alertar quem de direito para que todos lucrássemos.
Acentuaria também a crítica, se no caso de já alertados, a situação se mantivesse.
Aqui fica então o nº verde da C.M.C. para futuras pertinentes críticas!!!!

Linha Verde C.M.C.: 800 20 21 26

Um abraço
Mano 69 disse…
220 e contínua...

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime