Um golpe de sorte


Nota: Aqui fica a homenagem devida ao filantropo e à Fundação que tem o seu nome.

Comentários

Anónimo disse…
Espero que os leitores tenham reparado no cumprimento entre Mário Soares e Cavaco Silva, razão primordial deste post.
Mano 69 disse…
«Tenho a minha própria agenda(...)» Carlos Esperança dixit

Vamos aprender com Carlos Esperança o significado do termo publicidade subliminar e para isso vamos recorrer à sua agenda particular que conseguimos obter (i)licitamente e da qual daremos uma súmula dos temas que ele lista mensalmente para publicar no blog.

JANEIRO
Escrever sobre o presidente da câmara de Coimbra
Escrever sobre o vice-presidente da câmara de Coimbra
Escrever sobre o vereador da cultura
Marques Mendes e o PSD
CDS/PP e as lutas intestinas

FEVEREIRO
PSD e as lutas intestinas
CDS/PP e as lutas intestinas (parte II)
Fazer súmula do momento politico (N.B.: Não falar do governo)
Banco de Portugal dá crédito ao governo
Palestra sobre os blog’s

MARÇO
Cartoon do presidente
Fala o leitor (N.B.: Atenção aos gajos que só querem tempo de antena)
Cartoon do presidente (N.B.: Será que bolo-rei e presidencialismo casam?)
Monarquia vade retro I
Monarquia vade retro II
Para acabar de vez com a coligação “contra natura” em Coimbra
Aflorar levemente o bom trabalho governativo
Marques Mendes versus Pacheco Pereira

ABRIL
Colocar anúncio na secção dos “perdidos e achados” sobre os outros? membros do blog
Tenho que ser mais assertivo sobre os partidos de direita
Escrever sobre Almeida e o 25 de Abril
Israel versus Palestina
Inimigos de estimação

MAIO
Próximo Oriente e a CIA
CIA e EUA
Presidente Americano e liberdade
Post tipo encher chouriços
Escrever sobre a câmara municipal de Coimbra

JUNHO
Igreja católica e fundamentalismo religioso
Porque sou agnóstico
Eu é que faço a minha própria agenda (resposta tipo)
Sou de esquerda e assumo (resposta tipo)
Já antes do 25 de Abril nunca me escondi no armário (resposta tipo)
Colocar foto nas respostas

(a continuar)
Anónimo disse…
A "sorte grande" foi a FC Gulbenkian ter sido capaz de trabalhar neste País com considerável autonomia em relação ao Estado (de então "Estado Novo" e de agora).
Esse mérito, essa "sorte", deve-se a Azeredo Perdigão, discretamente (em minha opinião) referido na cerimónia dos 50 anos.
Mano 69 disse…
Reparar no cumprimento?

E já agora reparem na mão esquerda de Mário Soares... Será um manguito? Será deformação óssea? Um avião? Uma tala no dedo? Chamar a atenção do primeiro-ministro? Um vade retro Satanás? Eu é que sou o primeiro? Publicidade ao canal 1 da RTP? Agarrou uma pulga? Um sinal para o arrumador? Publicidade subliminar? Efeitos secundários da medicação? Falta de medicação? Benfica campeão? Prótese? Queres fiado? Toma!
Anónimo disse…
Mano 69:

Podia ter reparado em quem, sendo mais velho, teve a delicadeza de se levantar.

Quanto às numerosas afirmações, insinuações e provocações do «mano 69», não concordando com elas, tudo faria para lhe manter tal direito.

Finalmente, não escondo o que penso sobre numerosos assuntos e conto com o escrutínio dos leitores, a quem agradeço os comentários ainda que vigorosos e/ou injustos.
Mano 69 disse…
Você é mesmo capcioso no pensar.
Não saberá você que Mário Soares está a cumprimentar o presidente da república? Ou seja, o mais alto cargo da nação que ele aliás já desempenhou por dois mandatos?
Não terá você conhecimento que quem chega por último é que tem de cumprimentar? Trata-se de uma regra de educação mais do que conhecida e assimilada por todos, sendo certo também que o facto de Mário Soares estar levantado só demonstra conhecimento do protocolo da saudação.
Quanto ao resto ou seja a listagem de que faz menção, veja-a como um exercício de alguém que respeitando-o de facto não se consegue adaptar ao seu seguidismo que sendo legitimo, contraria a sua propalada independência politica de esquerda e não seguidora de abusos sejam eles qual forem.
O distanciamento político em relação aos partidos, mesmo que engajado numa determinada área politico-partidária, parece-me a chave da situação para que não aconteça a falta de discernimento que muitas vezes turva o seu raciocínio.


N.B.: E não fui eu que fiz um círculo à volta da mãozinha marota – a sinistra, como lhe chamam os italianos – de um dos pais da democracia portuguesa.
Mano 69 disse…
Foi mesmo "um golpe de sorte" do fotógrafo!
Anónimo disse…
Mano 69:

Para dirrimir a questão do cumprimento (de pé ou sentado) é melhor chamar a Paula Bobone...
...porque, não deve (digo eu)constar no protocolo de Estado!
Mano 69 disse…
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Mano 69 disse…
Caro e-pá

Pois não deve constar no protocolo de estado é mais uma questão de educação, ou trocando por miúdos, de ter tomado "chá em pequeno"...
Anónimo disse…
I have been looking for sites like this for a long time. Thank you! video editing programs

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime