Chile - A evocação de um crime


Faz hoje 37 anos. Um obscuro general derrubou o Presidente eleito do Chile, Salvador Allende, e deu início a uma longa e sinistra ditadura que permanece como paradigma da crueldade, do arbítrio e da barbárie.

Solidário com os muitos milhares de desaparecidos, torturados, presos e assassinados, o «Ponte Europa» publica hoje, como todos os anos, a foto do frio torcionário Augusto Pinochet.

Para que não se esqueçam os algozes.

Comentários

jrd disse…
'Para que nunca mas en Chile!'
Anónimo disse…
O Pinochet foi apenas e tão só, um pau mandado armado da CIA dos EUA, como em muitas situações históricas, nomeadamente na América Latina. O dia 11 de Setembro será sempre o Dia de Salvador Allende. Abaixo o imperialismo norte-americano. Podem ver, entre outros, o vídeo http://www.youtube.com/watch?v=7vrSq4cievs .
Anónimo disse…
Os EUA foram padrinhos de Pinochet, Videla, Stroessner, Klaus Barbie, Reinhard Gehlen etc.
No mês passado publiquei aqui um post sobre o esmagamento da primavera socialista de Praga pelos soviéticos.
O golpe de Pinochet foi também o esmagamento de uma tentativa de instaurar um socialismo democrático, desta vez apadrinhado pelos americanos e, reconheça-se, muito mais bárbaro, cruel e assassino que o de Praga.
Nunca será demais relembrar as vítimas e os algozes.
Anónimo disse…
E o mais patético foram os protestos hipócritas do Ocidente contra a intervenção da URSS em 1968. O mesmo ocidente que "vendeu por 30 dinheiros" a Checoslovakia a Hitler 30 anos antes!

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime

Insurreição judicial