Espanha - A greve dos controladores foi uma Azneirada

A greve selvagem dos controladores de voo encerrou o espaço aéreo e mostrou que, não havendo democracia sem direito à greve, há greves capazes de anular a democracia. A decisão rápida do Governo pôs fim à sedição em que a corporação dos controladores se portou como um Tejero Molina à paisana, sem respeito pela democracia.

Foi grave que o Governo tivesse de reprimir a greve e recorrido ao que em Portugal se chama requisição civil, mas pior teria sido se os controladores, cujas funções permitem paralisar os transportes aéreos, tivessem alterado o funcionamento democrático

Os privilégios obscenos de que gozam e a simpatia dos sectores mais reaccionários, mostraram a face do franquismo através da luta de uma classe altamente favorecida.

No PP continua vivo o Aznarismo, uma forma larvar de fascismo , capaz de recorrer a métodos antidemocráticos para recuperar o poder.

Desta vez parece ter-se enganado e a greve foi um erro ou, pior, uma Azneirada. 

Comentários

Graza disse…
Esta mistura entre sindicalismo e corportivismo começa a ser uma destrinça dificil de fazer para muitos. Em Portugal, há muita gente que já não sabe em que águas navega e o que é pior é que levam gente atrás.
Anónimo disse…
¿Es la opinión de Gaspar Zarrías?

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime