A fertilidade do CDS


«Um grupo tão pequeno (12 deputados) teve três filhos no último mês».
(Pires de Lima)

E sem uma única mulher!

Comentários

bolotavoadora disse…
Amigo gostei muito do teu blog. Se conheceres alguem na minha freguesia, ou mesmo a qualquer blogger interessado em preservação do ambiente, divulga o meu blog. Obrigado. Continua o bom trabalho. Um abraço.
Anónimo disse…
ATÉ TÊM, ATÉ TÊM...DE VEZ EM QUANDO ESTE ESPERANÇA CAI NO TABLOIDISMO
Mano 69 disse…
Cuidado Carlos Esperança que o grupo de trabalho LGBT do Bloco pode não gostar desta analogia.
Anónimo disse…
CE:
Atrasada embora, por razões substantivas, chapelada ao seu post de 25Abril, 12:07!
Anónimo disse…
jagudi:

Agradeço sensibilizado.
Ricardo Alves disse…
A Teresa Caeiro já lá não anda?
Anónimo disse…
Tem andado pela Câmara.
Anónimo disse…
Os 3 nascituros que sejam bem-vindos ao Mundo.
Contudo, mesmo que venham a professar a doutrina política do CDS/PP, não chegarão a tempo de
evitar a "crise de solidão e descrença" do partido.
Além disso, 3 são poucos - fica um lugar vago no táxi.
Mas 3 já servem para os novos malabarismos à volta da segurança social anunciados ontem pelo Socrates.
Agora percebo porque o CDS/PP aplaudiu as medidas anunciadas para "salvar" a Seg. Social, isto é, aumentar as prestações, postergar a idade da reforma para as calendas gregas (eufemismo da esperança de vida) e, finalmente, receber a reboque do PIB.
Não haverá politica social, socialista?
Anónimo disse…
Não conhecm o poema que a Natália Correia escrevu em tempos a um deputado do CDS ?
Anónimo disse…
Versos escritos no Parlamento pela Natália Correia e dirigidos ao deputado Morgado (CDS), quando este defendia que o acto sexual só se justificava para fazer filhos:

Já que o coito - diz Morgado
Tem como fim cristalino,
Preciso e imaculado
Fazer menino ou menina

E cada vez que o varão
Sexual petisco manduca
Temos na procriação
Prova que houve truca-truca

Sendo só pai de um rebento,
Lógica é a conclusão
De que o viril instrumento
Só usou – parca excepção! Uma vez.

E se a função faz o órgão
– diz o ditado –
Consumada essa excepção
Ficou capado o Morgado.
Anónimo disse…
Excellent, love it! » »

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime

Tunísia – Caminho da democracia ou cemitério da laicidade ?