Requiescat in pacem

Foto: AP


De derrota em derrota, Sílvio Berlusconi assistiu ontem à sua morte política. O requiem dos italianos teve a adesão de 61,6% contra 38% que votaram SIM.

O NÃO foi o epitáfio escrito pela maioria do eleitorado. O exótico ex-primeiro-ministro tem agora uma imensa fortuna e um contencioso com a Justiça a gerir.

Nem o apoio do Vaticano lhe valeu. Estava escrito nas estrelas que acabaria mal.

Comentários

Anónimo disse…
e não há melhor epitáfio que o voto do Povo.

mas alguns o Povo bem os derrotas mas querem continuar no poder.
Mano 69 disse…
É verdade, o homem escreve torto por linhas direitas!
Anónimo disse…
isso não é o Homem mas sim Deus.
Anónimo disse…
uiiiii meti o pé na poça, sorry
até um Kardeall se engana
Mano 69 disse…
Ó Kardeal excesso de vinho de missa?
Oh Kardeall

Anda e deixa lá a pinga que prá missa de amanhã.

Ainda temos que a fazer com chá outra vez !
Anónimo disse…
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse…
Caro anónimo:

A pergunta já consta do post anterior e, feita de forma diferente, do que precede esse.

Por lapso, preparava-se para usar todas as caixas de comentários com a mesma pergunta?
Anónimo disse…
Imiscuiu-se na política para fugir á prisão...eminente,
No governo, elucubrou uma revisão constitucional para não responder por crimes económicos,..

Cheira-me que está perto!
Anónimo disse…
e-pá!:

«Cheira-me que está perto»!

RE: Tenho o mesmo pressentimento.
Anónimo disse…
mas de quem fala C.E.??

é que com esta troca de "galhetas" presumo que me meteram aguardente no branquito...
Anónimo disse…
Falo do Berlusconi, Kardeall.

De quem havia de ser?
Mano 69 disse…
AGUARDENTE? Ouvi perfeitamente!
Anónimo disse…
..mas há tantos "Berlusconi"
com outro rosto outro linguajar , mas com os mesmos "tiques" autoritários....
e que mesmo derrotados pelo Povo não "desgrudam" de um "poder"que apesar de "menor" os tenta á eternização,será que haverá explicação para tal facto?
Mano 69 disse…
Claro que há justificação para tal meu caro Kardeall (até rima). Trata-se de manter o "poleiro" e as benesses associadas.
Anónimo disse…
Enfim o que me espanta é o pouco descernimento de "alguns" em perceber tal facto, ou estrei a ser ingenuo???
Anónimo disse…
That's a great story. Waiting for more. »

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime