Factos & documentos


Comentários

Manuel Galvão disse…
Participar numa campanha difamatória desencadeada por uma denúncia anónima não fica bem a uma pessoa de esquerda.

Seja verdade ou seja mentira o que dizem do homem não justifica que a discussão sobre esse assunto seja trazido para o combate político por quem tem a obrigação de recordar o malfadado caso de Sócrates e por quem tem a obrigação de não esquecer casos muito mais graves que envolveram Dias Loureiro e outros altos dirigentes do país. Casos que deviam ser recordados em situações como a atual.
Todos as pessoas tentam fugir ao fisco. Isso não os diminui na condição de cidadãos, da mesma forma que não é crime um réu mentir em tribunal para se defender. O tribunal é que deve provar a culpa, assim como o fisco é que deve detetar o ganho e faturar ao contribuinte o repetivo imposto.

Se assim não for, passamos a viver num país de bufos...
Manuel Galvão:

Quem participou na central de intoxicação com Relvas e marco António, para difamar outros!

A publicação destes documentos são fruto da investigação da comunicação social e não o resultado de denúncia anónima.

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

Efeméride – 30 de outubro de 1975