Requerimento ao Presidente da Câmara

Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses

Joaquim Manuel Coutinho Ribeiro, eleitor nº 6 da freguesia deSoalhães, vem expor e requerer a V. Ex.a o seguinte :

1. Na reunião da Assembleia Municipal do passado dia 29, ouvi V.Ex.a afirmar que, a partir desta semana, iria passar a dispor de um Audi A6.

2. E percebi, das suas palavras, que não se tratava de um acto de vaidade pessoal, mas uma forma de melhorar a imagem do município, pois que a viatura estaria ao serviço do município e não do seu presidente.

3. Reflectindo sobre o assunto, lembrei-me de que o Audi do município poderá resolver-me um problema logístico que tenho em mãos.

4. No próximo dia 13, é o casamento da minha prima Ester (jovem médica) com o David (jovem médico).

5. Pediu-me a minha prima que a transportasse à Igreja, ao que eu anuí.

6. Lembrei-me, depois, que o meu carro só tem duas portas o que, convenhamos, não é muito operacional para o efeito, sobretudo para entradas e saídas, já que o vestido poderá ficar agarrado e eventualmente rasgar-se.

7. Foi desta forma que me lembrei que, sendo eu munícipe do Marco, e estando o Audi ao serviço do município, seria um acto da maior justiça que eu pudesse transportar a minha prima ao casamento no A6.

8. Ainda pensei que talvez pudesse requerer a utilização do jeep Toyota, mas temo que os convidados possam gozar a noiva por se deslocar em em tal veículo.

9. Opto, pois, pelo Audi, com a promessa de que o entregarei lavado e com o combustível reposto.

10. Dispenso o motorista.

Face ao exposto, requeiro a V. Excia se digne emprestar o A6 para utilização deste modesto munícipe no próximo dia 13, durante todoo dia.

Pede deferimento,

a) Joaquim Manuel Coutinho Ribeiro

NOTA: O Presidente da Câmara já não é o Sr. Avelino Ferreira Torres

Comentários

Anónimo disse…
Não posso confirmar a veracidade do documento mas que é provável, lá isso é.
Tomo a liberdade de explicar o assunto no blog www.oanonimoanonimo.blogspot.com
Cumprimentos
Coutinho Ribeiro
Anónimo disse…
É por essas e por outras que no meu município não são permitidos gajos que saibam ler, e tenham blogs, e muito menos que escrevam bem. Para isso cá estou eu, ou o meu assessor, ou o meu adjunto, ou o assessor dele. É uma maravilha! Não quero outro país, nem outra democracia, nem outro povo!
Anónimo disse…
Parabéns, Coutinho Ribeiro, pelo humor e pela denúncia.

Vou clocar o link no nome.
Anónimo disse…
Como os políticos , são na generalidade todos iguais a coisa é bem possível.

É fundamental que os municípes, avisados, tomem atitudes destas, para que o povo vá abrindo a pestana.
Anónimo disse…
Manuel Moreira, presidente da Câmara do Marco de Canavezes declarou, em 20.09.2006, à Imprensa:
"O presidente da Câmara Municipal de Marco de Canavezes sugere que a nova Lei da Finanças Locais contemple excepções para casos financeiros particularmente graves."

Estamos todos a ver...como é!
Mano 69 disse…
Clocar vem de cloaca?
Anónimo disse…
Obrigado, mano 69, pela vigilância.

Onde escrevi «clocar» queria dizer «colocar».
Anónimo disse…
CE: para melhor esclarecimento dos leitores deste berloque faltou dizer que o autor/inspirador da posta foi (corrigir-me-á se estiver enganado) candidato (derrotado) à CM do Marco, em representação do PSD...
A bem da Nação.
Anónimo disse…
Anonymous Ter Out 03, 05:31:31 PM:

Duvido que seja verdade o que afirma.

Creio que o Presudente da Câmara do Marco é mesmo do PSD.

Não podia ser o autor deste «requerimento» cujo link sobre o nome remete para o respectivo blog.
Anónimo disse…
Faltou referir que a candidatura foi em 2001! As minhas desculpas.
Conferir aqui: http://www.stape.pt/autarquias/cm_cabeca_lista_Porto_al2001.htm
Anónimo disse…
é fartar,afinal todos já começam a perceber porque o "outro" não dava redeas livres, de passo em passo lá vamos ter que chegar,é que é preciso conhecer bem este Povinho.
Sim, é verdade. O autor do "requerimento" foi candidato derrotado, pelo PSD, nas autárquicas de 2001, contra o então presidente Avelino Ferreira Torres. Isto, depois de o actual autarca, Manuel Moreira (PSD), ter recusado ser candidato em 2001. O que torna o assunto mais abrangente: depois de ter sido candidato contra quem ninguém queria ser e de ter aturado o homem no executivo da Câmara, tornei-me muito exigente. E, apesar de não esperar muito do actual autarca, esperei, pelo menos, que fosse um bocadinho sensato. É que coisas como esta de comprar automóveis numa Câmara falida só serve - como está a servir - para abrir uma enorme auto-estrada para o regresso de Avelino.
Adenda:
Esclareço, para quem não saiba, que em 2005, Ferreira Torres não foi candidato à Câmara do Marco, mas sim à de Amarante, onde foi derrotado.

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime

Tunísia – Caminho da democracia ou cemitério da laicidade ?