Tribunal ordena julgamento de Berlusconi

Um tribunal de Milão determinou hoje o julgamento por corrupção do ex-primeiro-ministro e chefe da oposição italiana Sílvio Berlusconi e do advogado britânico David Mills.
.
Berlusconi é acusado de corrupção, por ter ordenado o pagamento, em 1997, de 580.000 euros ao advogado britânico para este prestar testemunhos falsos (ou omitir substancial parte do que sabia) em dois julgamentos que implicavam a Fininveste, a «holding» de Berlusconi.

Fonte: Semanário «SOL»

Nota: Defendo a justiça e desprezo Berlusconi. No entanto, não me regozijo.

Em democracia, os políticos são escrutinados, os juízes não.

Comentários

e-pá! disse…
Todos suspeitávamos que a saída de Berlusconi do poder, lhe iria trazer inevitáveis problemas.
Era uma questão de tempo.
Durante o exercício de 1º. ministro italiano utilizou o cargo para governamentalizar a justiça e, "resolver" problemas, nomeadamente, com o seu "império mediático".
O "Cavaliere" está a contas com
o Tribunal de Milão, um processo, onde é acusado de fraude fiscal, fraude contabilística e abuso de confiança. As irregularidades remontam ao período de 1994 a 1999.
Da acusação, consta ainda a suspeita de branqueamento de capitais, em operações de pagamento de direitos de exibição.
Em Novembro deste ano, irá responder num processo em que é acusado de ter criado empresas em paraísos fiscais que compravam direitos de filmes para depois os revender mais caros ao grupo de Berlusconi em Itália. Deste modo, pagava menos impostos sobre os lucros.
Além disso, da acusação, consta ainda a suspeita de branqueamento de capitais, em operações de pagamento de direitos de exibição.

Isto é, fraude fiscal e suspeita de branqueamento de capitais praticada pelo mais alto responsável governamental, na altura.
A ética da Direita.
Ah! Cavaliere...

Mensagens populares deste blogue

Nigéria – O Islão é pacífico…

A desmemória e a dissimulação

Miranda do Corvo, 11 de setembro