Citação

"A verdade é que 50% da queda do Muro, corresponde a João Paulo II, 30% ao Solidarnosc e apenas 20% ao resto do mundo."

(Lech Walesa, ex-líder do movimento sindical polaco Solidarnosc fundado em Setembro de 1980. Jornal de Notícias, 10/11/2009)

Nota: Talvez ajude a compreender a falência do Banco Ambrosiano.

Comentários

ahp disse…
O Lech Walesa está a ficar apatetado. A queda do muro deve-se em 90% à vontade dos alemães de ambos os lados dele de o derrubar, apoiada pela maior parte do "resto do mundo". Se não fosse essa vontade, que força teria o Solidarnosc? E de que valeriam as pregações e manobras ocultas do Vaticano?
Mesmo em termos de personalidades, não podemos esquecer Reagan e sobretudo Gorbachov.
Stefano disse…
pergunto... e se o regime politico do Leste fosse fascista... o papa JP2 faria escandalo???
ahp disse…
O Lech Walesa está a ficar apatetado. A queda do muro deve-se em 90% à vontade dos alemães de ambos os lados dele de o derrubar, apoiada pela maior parte do "resto do mundo". Se não fosse essa vontade, que força teria o Solidarnosc? E de que valeriam as pregações e manobras ocultas do Vaticano?
Mesmo em termos de personalidades, não podemos esquecer Reagan e sobretudo Gorbachov.

Mensagens populares deste blogue

Os incêndios e a chantagem ao Governo

O último pio das aves que já não levantam voo